Condicao humana em blaise pascal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1666 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumario
Introdução

Introdução

Pretende-se analisar a condição humana na perspectiva de blaise pascal, onde o homem se encontra perdido num universo mudo e todos os seus olhares se tornam obscuros, sem saber de sua existência e seu proposito e finalidade, o homem sabendo do fim que o espera, tenta buscar refugio nos objetos baixos, ou seja, na diversão criada por ele mesmo, que para Pascalé a maior das misérias, por que tudo tem seu fim, não importa o que você faça, não importa a aonde você vá sempre à morte nos acompanha sorrateiramente a cada dia de vida, para pascal essa visão trágica, nos retrata que homem e profundamente infeliz, pois só um bem infinito, é portanto abarcável, poderia satisfazer seus desejos. De um lado, se a imaginação disfarça esta necessidade de infinidade, ohomem perde-se desnecessariamente nos objetos finitos, sofrendo contínuas decepções. De outro, se entende esta necessidade, através da humilhação que sente ao ser superado, percebe sua fragilidade de sequer imaginar o infinito. Por mais que nos dediquemos, ampliemos as nossas concepções e as projetemos além dos espaços imagináveis, percebemos tão somente pequenas partículas em comparação com arealidade das coisas. Pascal marca a tragicidade humana; mas também nos dá a orientação para o resgate do homem através do aniquilamento, do autoconhecimento e do reconhecimento da própria condição insuficiente diante das fraquezas e misérias humanas, isso seria a grandeza do homem, que o torna consciente de sua situação de miséria, o homem sempre vai flutuar entre esses dois extremos, nada e tudo,tudo em relação ao nada, e nada em relação ao todo, de modo que o que extrapola a mediocridade não está em proporção com sua capacidade: quando avança rumo ao todo, sua insignificância o arrasta de volta; quando tenta agarrar o nada, seu pouco ser torna-se grandioso, fazendo da menor distância um infinito inatingível. No entanto, Pascal aponta que a verdadeira meta da existência humana está emDeus e esta meta é efetivada em uma religião que tenha conhecido a grandeza e pequenez da existência humana, ou seja, a religião cristã. “aposta em Deus”, da qual Pascal anuncia que temos que escolher entre a existência ou não de Deus, apontando assim que é racional escolher Deus, já que, escolhendo Deus pode-se vencer tudo e não perder nada. Dessa forma, a fé que surge no coração e é dom de Deusvem ao lado da razão para mostrar que essa fé que supera a razão não é contrario à natureza humana, é sim, fé que vem ao encontro da miséria humana, explicando-a e resolvendo-a colocando de encontro com o criador

Justificativa
A importância no assunto abordado seria um desperta para a condição humana e suas implicações, de uma visão mais positiva, sobre a existência humana, de maneira que sóseria possível uma olhar para as razoes da religião, e isso não quer dizer, abandonar a racionalidade, ao contrario é a força da razão superar seus próprios limites entre o absoluto e a sua finitude, e que nos revela que devemos nos distanciar dos objetos obscuros, que criamos para ocultar e disfarçar a nossa real condição. A contribuição desse projeto e dar esperança as pessoas vitimas dessascircunstancia obscuras, que se encontram sozinha num universo, nesse abismo sem fim que o cerca e que ver cada dia a finitude que se aproxima. Pascal então nos coloca outra perspectiva da filosofia, o de fazer uma critica da própria razão e nos mostrar que não existe outra saída se não nos entregarmos aos fundamentos da religião.

Problemática
A grandeza e miséria humana apresentada por Pascalnos faz refletir e suscitar indagações: de que forma conseguimos enxergar ou perceber hoje esse estado de grandeza e miséria em nos? Uma vez que o homem cada vez mais se distancia, pelas próprias cinscustancias que o envolvem, sofrimentos e decepções são constantes, as pessoas estão cada vez mais individualistas, estão insensíveis ao o outro em relação ao que as oprime, e sozinho não conseguira,...
tracking img