Concreto armado - detalhes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1015 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Concreto Armado
Classificação da superestrutura de um edifício:
Estrutura terciária: suporta a aplicação direta das cargas distribuídas em superfície: Lajes.
Estrutura secundária: resistência localizada, recebendo cargas diretas ou apenas as reações da estrutura terciária: Vigas.
Estruturas primárias: resistência global da construção: pilares.
Segurança Estrutural
A estrutura de umaedificação é considerada segura quando apresente os seguintes requisitos:
Mantém durante sua vida útil as características originais de projeto, a um custo razoável de execução e manutenção;
Não apresenta aparência que cause inquietação e desconforto ao público, assim como falsos alarmes que levem às suspeitas sobre sua segurança;
Deve apresentar avisos prévios antes da ruptura da estruturaEstados limites de desempenho: estados que definem impropriedade para o uso da estrutura.
Estado Limite Último (ELU): é o estado limite relacionado ao colapso, ou a qualquer outra forma de ruína estrutural, que determine a paralisação do uso da estrutura. Atingindo o ELU, a estrutura esgota sua capacidade resistente, e a utilização posterior da edificação só será possível após a realização deobras de reparo, reforço ou mesmo substituição da estrutura.
Estado Limite de Serviço (ELS): é o estado que está relacionado à durabilidade das estruturas, aparência, conforto do usuário e à boa utilização funcional delas. Atingindo o ELS, a estrutura apresenta um desempenho fora dos padrões especificados para a utilização normal da edificação e/ou comportamentos inadmissíveis para a manutenção daprópria estrutura, mas sem risco iminente de ruína do sistema. Caracterizando por flechas excessivas, fissuração inaceitável, vibração excessiva, recalques elevados etc.


Estribo: a função do estribo é combater o esforço cortante e as tensões de cisalhamento.
Índice de esbeltez (): é uma medida relativa entre o comprimento de flambagem da barra e sua seção transversal. Uma barra é esbeltaquando seu comprimento é grande perante sua seção transversal. Dada por:
λ=l_e⁄i , onde l_e é o comprimento de flambagem,e i é o raio de giração.
Pilar curto ocorre quando o ≤ 40. E longo, quando > 40.
Energia de deformação elástica acumulada: é dada por: U=1/2 F.d∴ U=1/2 ∫_0^l▒(M(x)²)/EI d_x .
Para uma viga engastada com uma força concentrada no ponto mais afastado do engaste, ou seja,na ponta livre e submetida à flexão pura, pode-se resumir a energia de deformação a: U=P²l³/6EI
Para uma carga concentrada no centro do vão: U=P²l³/96EI

Para uma com carregamento distribuído (q): U=(5q²l^5)/768EI
O Núcleo Central de Inércia (NCI): é a região da seção transversal onde a carga excêntrica P pode ser aplicada sem que cause risco de provocar tração na seção, ou seja, região daseção transversal destinada a proporcionar à coluna somente esforços de compressão. Segue abaixo valores para algumas seções comuns de pilares:


Raio de Giaração: i=√(I⁄A) (Inércia sobre Área)
Momento Polar de Inércia: J_0= I_x+I_y
O diagrama de domínio de deformações representa todas as demonstrações possíveis de deformações específicas da seção transversal de uma peça de concretoarmado, no instante em que ele atinge um estado limite último:
Ruptura convencional por deformação plástica excessiva:
reta a: tração uniforme;
domínio 1:: tração não uniforme, sem compressão;
domínio 2: flexão simples ou composta sem ruptura à compressão do concreto (εc < 3,5o/oo e com o máximo de alongamento permitido);
Ruptura convencional por encurtamento limite do concreto:
domínio 3:flexão simples (seção subarmada) ou composta com ruptura à compressão do concreto e com escoamento aço (εs ≥εyd);
domínio 4: flexão simples (seção superarmada) ou composta com ruptura à compressão do concreto e aço tracionado sem escoamento (εs < εyd);
domínio 4a: flexão composta com armaduras comprimidas;
domínio 5: compressão não uniforme, sem tração;
reta b: compressão uniforme...
tracking img