Conceitos de controladoria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3099 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE ESTÁCIO ATUAL
COORDENAÇÃO DE CONTABILIDADE
CONTROLADORIA
PROFESSOR MAX ANDRÉ
AULA 01
CONCEITOS DE CONTROLADORIA
INTRODUÇÃO

O debate e as críticas quanto à ineficiência da Contabilidade tradicional- ortodoxa e enraizada nos princípios fundamentais de contabilidade – enquanto construtora e mantenedora de sistemas de informações, responsável por suprir os gestores cominformações úteis e em tempo hábil na condução do processo de gestão das atividades empresariais, já data de algum tempo.

Essas críticas reacenderam-se com mais intensidade a partir da segunda metade dos anos 80, com a obra de Johnson & Kaplan, Relevance lost, em que os autores são taxativos ao afirmarem que "os atuais sistemas contábeis para a administração são inadequados para o meioambiente". (Johnson & Kaplan, 1987:24)

O quadro, então caracterizado, diante desse "estado de coisas" é tal, que as reflexões de Johnson & Kaplan foram contundentes, motivando alguns pesquisadores a advogarem uma total ruptura com a Contabilidade (Guerreiro Catelli, 1994:3-5). Na verdade, o que está ocorrendo é uma situação em que as partes são colocadas como representativas do todo.

AContabilidade tradicional tem-se prestado à mensuração (ainda que conceitualmente falha) de eventos econômicos passados das organizações, na maioria das vezes, em atendimento às necessidades fiscais. Uma gestão com foco na continuidade da organização não se faz extrapolando dados do passado. Para atingir os estados futuros desejados, há que se simular eventos futuros, visto que decisões que seconcretizarão no futuro são tomadas no presente.

Assim, a Contabilidade, enquanto ciência tem uma rica base conceitual da qual devemos nos valer e, interagindo de forma multidisciplinar com os demais ramos do conhecimento, buscar a construção de uma via alternativa à Contabilidade tradicional, cuja base conceitual é inadequada para modelar as informações destinadas ao uso dos gestores.Como uma evolução natural desta Contabilidade praticada identificou a Controladoria, cujo campo de atuação são as organizações econômicas, caracterizadas como sistemas abertos inseridos e interagindo com outros num dado ambiente.

O QUE É CONTROLADORIA?

A Controladoria não pode ser vista como um método, voltado ao como fazer, Para uma correta compreensão do todo, devemos cindi-la emdois vértices: o primeiro como ramo do conhecimento responsável pelo estabelecimento de toda base conceitual, e o segundo como órgão administrativo respondendo pela disseminação de conhecimento, modelagem e implantação de sistemas de informações.

RAMO DO CONHECIMENTO

A Controladoria enquanto ramo do conhecimento, apoiada na Teoria da Contabilidade e numa visão multidisciplinar, éresponsável pelo estabelecimento da: bases teóricas e conceituais necessárias para a modelagem, construção e manutenção de Sistemas de Informações e Modelo de Gestão Econômica, que supram adequadamente as necessidades informativas dos Gestores e os induzam durante o processo de gestão, quando requerido, a tomarem decisões ótimas.

As bases de sustentação ao nosso enfoque de Controladoriaalicerçam-se no GECON, de cujos princípios, conceitos e metodologia de operacionalização, tende em vista nossos propósitos, enumeramos as seguintes premissas básicas:

• A empresa é constituída sobre o pressuposto da continuidade;

• A empresa é um sistema em constante interação com seu ambiente;

• O resultado econômico é o melhor indicador da eficácia empresarial;

• Oresultado econômico é a base para a tomada de decisões;

• O Modelo de Gestão - derivado das crenças e valores - será a carta magna que corresponde a um conjunto de definições relativas ao processo de gestão empresarial;

• As atividades empresariais são conduzidas, de forma estruturada, por um Processo de Gestão que analiticamente corresponde ao Planejamento, Execução e Controle;

•...
tracking img