Conceitos cabeamento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1329 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Cabeamento Estruturado
(Conceituação Geral)

Prof. Sergio G. de Araújo e-mail: granato@eee.ufg.br

1

2

Sumário - Cabeamento Estruturado
1. Conceituação Geral 2. Regulamentação 3. Redes de Dados 4. Distribuição de Vídeo 5. Sonorização 6. Componentes de Rede Estruturada 7. Regras de Projeto 8. Aterramento da Rede de Dados 9. Estudo de Caso - Tendências

3

Este Conteúdo se Refereà
Norma NBR 14565
1ª Emissão: 31 de Agosto de 2000 e Última Versão da NBR 14565 de 19/04/2007
(baseada na ISO/IEC 11801:2002)

4

Conceituação Básica
Cabeamento Estruturado (Definição)
Técnica utilizada para projetar, em prédios comerciais, um Cabeamento de Telecomunicações Genérico, não dedicado a aplicação específica
Estabelece critérios técnicos e de desempenho para atender a maioriadas aplicações existentes Um Sistema Estruturado baseia-se na disposição de uma rede de cabos que suporte qualquer equipamento de telecomunicações e que pode ser facilmente redirecionada
Eqto de Telecom Todos os sistemas de sinais de baixa voltagem que conduzam informações dentro de edifícios

5

Conceituação Básica
Cabeamento Estruturado
O termo Telecomunicações engloba sistemas queutilizam sinais de baixa voltagem como
Voz, dados, vídeo, alarmes, controle em geral

Seguindo as recomendações da norma, projetos são desenvolvidos
sem dependência dos equipamentos sem depender dos clientes que vão utilizá-lo

Provê otimização para futuras alterações na rede
Alterações realizadas a custo mínimo

6

Conceituação Básica
Cabeamento Estruturado
É um sistema baseado napadronização das interfaces e dos meios de transmissão, de modo a tornar o cabeamento independente da aplicação e do layout

Logo, trata-se de um sistema multimídia, capaz de proporcionar acesso aos vários sistemas de comunicação por meio de uma única estrutura de cabeamento

7

Conceituação Básica
No Início ...
... um cabeamento distinto para cada tecnologia
Cabeamento não reaproveitável paranovas tecnologias Inflexibilidade para mudanças

Sistema não otimizado

8

Principais Elementos do Projeto
1 - Área de Trabalho (ATR) 2 - Rede Secundária (cab. horizontal) 3 - Armário de Telecom (AT) 4 - Rede Primária (cab. vertical) 5 - Sala de Equipamentos (SEQ) 6 - Sala de Entrada de Telecom (SET) 7 - Cabo de ligação externo
OBS: Extraído da NBR 14565-2000

9

PrincipaisElementos do Projeto
1 - Área de Trabalho - ATR 2 - Rede Secundária 3 - Armário de Telecomunicações - AT 4 - Rede Primária 5 - Sala de Equipamentos - SEQ 6 - Sala de Entrada de Telecomunicações - SET
Cabeamento Primário de 1o Nível - Cabo que interliga o DGT aos Distribuidores Secundários (DS) ou Distribuidor Intermediário (DI) Cabeamento Primário de 2o Nível - Cabo que interliga o DI ao DS CabeamentoSecundário (ou Horizontal) - Cabo que interliga o DS ao ATR

Obs: Cabeamento Primário

Vertical, Tronco ou Backbone

10

Principais Elementos do Projeto
ATR - Área de Trabalho: Espaço necessário para uma pessoa realizar suas atividades

Exemplo
Um funcionário precisa de uma mesa, cadeira, computador e telefone (Aproximadamente 10 m2)
AT - Armário de Telecomunicações: Espaço destinadoà transição entre o caminho primário e o cabo secundário, com conexão cruzada, podendo abrigar equipamento ativo DGT - Distribuidor Geral de Telecomunicações: Distribuidor que interliga todos os cabos primários de 1o nível DS - Distribuidor Secundário: Distribuidor que interliga cabos primários de 1o e 2o nível a cabos secundários DI - Distribuidor Intermediário: Distribuidor que interliga cabosprimários de 1o nível a cabos primários de 2o nível

11

Principais Elementos do Projeto
PT - Ponto de telecomunicações: Dispositivo onde estão terminadas as facilidades de telecomunicações que atendem aos equipamentos de uma ATR SET - Sala de Entrada de Telecomunicações: Espaço destinado a receber o cabo de entrada da operadora onde são ligados as facilidades da rede primária intra e...
tracking img