Como alfabetizar na eja?

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1305 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
COMO ALFABETIZAR NA EJA?




“Aprender a ler e a escrever é aprender a ler o mundo, compreender o seu contexto numa relação dinâmica vinculando linguagem e realidade e ser alfabetizado é tornar-se capaz de usar a leitura e a escrita como meio de tomar consciência da realidade e de transformá-la.” Paulo Freire (1997). 



Primeiramente é necessário compreender oque é ser alfabetizado. A alfabetização deve ser compreendida como processo que vai muito além da aquisição do código. Estar alfabetizado significa atribuir significado e sentido às funções sociais vinculadas à escrita, estar plenamente alfabetizado é ser capaz de compreender diferentes tipos de textos, possuir um repertório de procedimentos e habilidades para relacioná-los em um campo socialdeterminado.

Durante muito tempo, acreditou-se que, primeiro, os educandos deveriam conhecer as letras, saber juntá-las, relacioná-las com a pauta sonora, saber pontuação, regras gramaticais etc. Só depois conseguiriam lidar com a linguagem escrita, ou seja, com a elaboração e compreensão dos textos. No campo da alfabetização de adultos, essa concepção ainda é muito frequente quando no trabalho coma escrita, retroceder ao ensino hierarquizado (primeiro, letras, depois, sílabas, palavras etc.).

O tema, Alfabetização de Jovens e Adultos, está sempre em foco entre docentes, governo e comunidade, pois a educação como um todo e principalmente a escolar é sinônimo de perspectiva de mudança de conscientização de formação crítica e ética.

Quando ingressam na EJA, os adultos nãoalfabetizados não desconhecem o sistema da escrita e sua função, por isso ao iniciar uma tentativa de escrita resistem a usar suas hipóteses “de como se escreve” o que ocorre menos com as crianças.  É fundamental considerar as hipóteses e o conhecimento que os adultos possuem sobre a escrita e como a usam para um processo de aprendizagem significativa.

A primeira reflexão a ser feita é a história de vidados educandos, a partir desta as demais vão se inserindo com a ajuda dos Temas Geradores. Temas Geradores são elos que vão promovendo o estudo da realidade local. Esta prática de fazer o estudo a partir de onde estamos situados permite desafiar e ser desafiado e ir modificando esta realidade. Com isto alfabetização e construção da memória do povo andam juntas. A partir destes conseguimosabranger o contexto em que estão inseridos e criar condições para que registrem o que foi pensado, discutido, aprendido na oralidade.

Para Freire texto e contexto não se separam, pois a reflexão destes contribui para a inserção crítica no mundo. Em seu livro Pedagogia da Esperança, Freire afirma que na alfabetização de jovens e adultos não se pode ficar apenas na leitura das palavras e nem só naleitura do mundo, mas estas devem estar articuladas em um constante ir e vir. Os temas geradores ainda fortificam o trabalho coletivo entre educador e educando, desde o planejamento até a prática.

Investigar o tema gerador é investigar, repitamos, o pensar dos homens referido a realidade, que é sua práxis (FREIRE, 1982, p. 98 apud )



O educador da EJA precisa saber que a alfabetização deadulto possui especificidades, pois os alunos têm crença na memorização, sentimento de incapacidade está muito presente, insegurança, visão prévia de conhecimento, ouvir muito e falar pouco, cópias, repetição.

Há algumas práticas essenciais para os educadores: realização de Pseudoleitura, fundamental para que o educando possa refletir sobre as semelhanças e diferenças entre oralidade e escritae vivencie a organização do texto escrito; o educador deve propor hora do conto, que é o momento em que ele lê para a turma; hora do “causo”, momento em que o educando irá contar uma história real ou não; propor aula de leitura, nesta aula cada um escolhe um material para ler; o educador deve incentivar as tentativas de escrita desde o primeiro encontro; como provavelmente algum educando não...
tracking img