Ciencias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4321 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INFÂNCIA E LUDICIDADE
DISCIPLINAS CURSADAS:
Pesquisa e Prática Profissional - Educação Infantil
Educação Infantil: Metodologias/Procedimentos
Ludicidade
Metodologia para Temas Transversais
Fundamentos da Educação Infantil

Rio preto2009


INFÂNCIA E LUDICIDADE
DISCIPLINAS CURSADAS:
Pesquisa e Prática Profissional - EducaçãoInfantil
Educação Infantil: Metodologias/Procedimentos
Ludicidade
Metodologia para Temas Transversais
Fundamentos da Educação Infantil

Produção de Aprendizagem apresentada à UTA Infância e Ludicidade, no Curso de Pedagogia à Distância da Faculdade Internacional de Curitiba.
TutorLocal:
2009

SUMARIO

1 - INTRODUÇÃO......................................................................................................03
2 - PRÁTICA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL.....................................04
3 - CONSIDERAÇÕES FINAIS..................................................................................12
4 -REFERÊNCIAS.....................................................................................................14
APÊNDICE 1 – QUESTÃO INDIVIDUAL...................................................................15

INTRODUCÃO

Neste trabalho desenvolvemos algumas reflexões sobre aspectos que consideramos importantes na abordagem da questão da educação infantil desenvolvida com base nas legislações e suaaplicação na realidade brasileira.
Nesta perspectiva, daremos, inicialmente, uma visão geral sobre os principais pontos históricos da Educação Infantil no Brasil quanto às políticas públicas e conceito de infância que consideramos pertinentes. Para que a análise da experiência brasileira com a implementação da educação infantil e os pressupostos assumidos pela mesma dentro de uma propostaindissociável entre o cuidar e o educar, a qual possa ser compreendida em seus aspectos políticos, econômicos, sociais.
Assim, discutimos sinteticamente a questão da função de educar e cuidar, suas inter-relações e formas de desenvolvimento na prática pedagógica da educação infantil e suas repercussões (econômicas e sócio laborais) a partir de alguns aspectos históricos, de critérios deinclusão e exclusão social, e dos benefícios por elas proporcionados.
Abordaremos o jogo, a brincadeira e as atividades lúdicas, de forma geral, como elementos culturais que melhor representam a particularidade da infância por serem as principais atividades propulsoras do desenvolvimento da criança. Acreditamos que, ao brincar, a criança se apropria de vários conteúdos, mas, sobretudo, aprendesobre a dimensão humana.
Finalmente apresentamos algumas reflexões a respeito de temas transversais e seu uso dentro de uma proposta metodológica e nossas conclusões sobre as implantações dessas mudanças a partir do que vivenciamos, das contradições identificadas a partir da nossa experiência pessoal e profissional.

2. PRÁTICA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

As primeirasiniciativas voltadas à criança tiveram um caráter higienista, cujo trabalho era realizado por médicos e damas beneficentes, e se dirigiram contra o alto índice de mortalidade infantil, que era atribuída aos nascimentos ilegítimos da união entre escravas e senhores e a falta de educação física, moral e intelectual das mães.

Inicialmente assumidas pela família ou grupos sociais específicos(comunidades, tribos, etc.), a tutela, a socialização e a educação da criança passam a ser compartilhadas por diversos segmentos públicos, deixando de ser uma tarefa exclusivamente privada. A organização social típica das sociedades industriais e, também, a ampliação do universo cultural com o qual a criança passa a interagir rompem com os padrões instituídos de uma educação infantil que se dá,...
tracking img