Ciencias pra sempre

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (471 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
sempree amo cienciasA Polícia Civil de Tapurah prendeu hoje, em Itanhangá (150 km de Sinop), uma mulher de 55 anos, e um homem de 35. Ela é acusada de mandar matar o ex-marido José Mariano da Silva,56 anos, e ele, suspeito de ter executado o crime dando um tiro na cabeça e uma facada no coração. O fato aconteceu em agosto do ano passado, em Itanhangá, no sítio da vítima, cujo corpo foiencontrado carbonizado, a 45 km do perímetro urbano, dentro da casa onde residia, que também foi queimada.

O delegado Luiz Henrique disse, agora há pouco, ao Só Notícias, que o crime teria sido motivadopor dinheiro. “Eles eram separados [mulher e vítima] e ela teria mandado matar para vender o sítio e ficar com o dinheiro. Há cerca de 30 dias o teria negociado por R$ 130 mil”, declarou, acrescentandoque o acusado de ter executado o crime, ficaria com metade do valor.

Luiz informou que o homem teria confessado o assassinato a mando da mulher. “Porém, ele diz que não sabe como a casa pegoufogo”, afirmou, ressaltando que a mulher é suspeita de ter incendiado casa, para apagar possíveis pistas e dificultar o trabalho da polícia. Com homem, foi apreendida ainda, uma espingarda calibre 20, que apolícia investiga se foi utilizada no crime.

Luiz informou que ambos estão presos em Tapurah. A mulher deve ser encaminhada para Sinop.

A Polícia Civil de Tapurah prendeu hoje, em Itanhangá(150 km de Sinop), uma mulher de 55 anos, e um homem de 35. Ela é acusada de mandar matar o ex-marido José Mariano da Silva, 56 anos, e ele, suspeito de ter executado o crime dando um tiro na cabeça euma facada no coração. O fato aconteceu em agosto do ano passado, em Itanhangá, no sítio da vítima, cujo corpo foi encontrado carbonizado, a 45 km do perímetro urbano, dentro da casa onde residia, quetambém foi queimada.

O delegado Luiz Henrique disse, agora há pouco, ao Só Notícias, que o crime teria sido motivado por dinheiro. “Eles eram separados [mulher e vítima] e ela teria mandado...
tracking img