Cidadania e marshall

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (270 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Relação entre Justiça e Cidadania, considerando o conceito de cidadania de Marshall.
Cidadania para Marshall (século XX), tinha sentido oposto ao de exclusão. Exclusão que paraalguns autores significa o não pertencimento a algum grupo ou categoria e que pode não se configurado, em alguns momentos, como problema. Pensando ainda neste conceito, é importantedestacar a identidade social que concerne a um processo de identificação e pertencimento de um indivíduo a um grupo social se dá por meio de inclusão e exclusões.
Retornando aoconceito e posteriormente relação entre Justiça e Cidadania, esta última ocorre quando o sujeito desfruta de direitos consignados pelo Estado, bem como possui acesso a rendaadequada o que vem a possibilitar um padrão de vida comum aos demais.
Pelo modelo de Marshall, cidadania implica também em sentimento de pertencimento e lealdade a uma civilização quepode ser entendido como patrimônio da comunidade ou do coletivo em questão. Cabe destacar que este sentimento de pertencimento acaba por se estabelecer via deveres de cadaindivíduo para com o Estado, mas principalmente pelos direitos que este lhe oferece e garante.
Estamos falando aqui em direitos civis que valorizam a liberdade individual como a de livreexpressão e circulação, bem como direitos políticos que preservam o direito de votar e de ser votado e finalmente, direitos sociais que discorrem sobre conjuntos de garantiaslegais que assegurem bem-estar econômico, segurança contra riscos sociais e acesso a bens e serviços essenciais a vida.
Para Marshall, a conquista dos direitos acima citados decorreude uma progressão histórica que iniciou pela conquista dos direitos civis, posteriormente obtenção de direitos políticos e em seguida democraticamente conquista de direitos civis.
tracking img