Case santista

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1812 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
G E S T Ã O D E P R O J E T O S

ESTUDO DE CASO:SANTISTA TÊXTIL

Integrantes: Alunos do 4º modulo do Curso de Processos Gerenciais

Orientadora: Janaína Borsagli

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

ESTUDO DE CASO: SANTISTA TÊXTIL
Implantação de ferramentas de gerenciamento de projetos em uma organização multinacional com base nos princípios do project management institute (PMI)utilizando o software colaborativo GP3

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

INTRODUÇÃO
Estudo de caso sobre a experiência de implantação de ferramentas de gerenciamento de projetos; Principais passos e as principais decisões que aconteceram no processo de Implantação; Os resultados obtidos com o software

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

COMO TUDO COMEÇOU

Em 2002 uma empresa de consultoriarecomendou que a empresa entre outras iniciativas desenvolvesse um sistema de gestão de projetos; A PROAGE foi contratada e encontrou a seguinte situação:

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

CENÁRIO CORRENTE
Não havia planejamento dos projetos segundo método uniforme; Os projetos não tinham definição clara de seus objetivos; Na empresa havia cerca de 150 planos de ação e 3 a 6 projetos por plano; G E S T Ã O D E P R O J E T O S

CENÁRIO CORRENTE
Não se mantinham históricos de ações pioneiras da empresa, o que prejudicava a implantação em outras fábricas e as oportunidades de divulgação; Os projetos eram planejados e controlados mas sem ferramentas padronizadas, eram feitos segundo métodos individuais de cada gerente de projetos.

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

O PROBLEMAIDENTIFICADO – QUESTÕES A SEREM RESOLVIDAS
Foi definido então em 2003 que seria implantado na empresa um método de trabalho. “Metodologia simplificada de Gestão de Projetos Santista Têxtil”

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

O PROBLEMA IDENTIFICADO – QUESTÕES A SEREM RESOLVIDAS
Seria possível vislumbrar outros objetivos, como manter vivas informações após a finalização dos projetos?

Comoabordar tal iniciativa sem esbarrar em resistências?

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

O PROBLEMA IDENTIFICADO – QUESTÕES A SEREM RESOLVIDAS
Implantar um sistema de gestão de projetos em um projeto piloto ou em toda a organização?

Seria possível alinhar essa metodologia com os planos de ação já existentes?

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

DECISÕES TOMADAS
A metodologia acompanha osprincípios PMI e PMBOK e recomendações dos autores da área; O escopo obrigatório foi definido: O software colaborativo seria implantado atingindo todos os planos de ação existentes na empresa; Das nove áreas do conhecimentos apenas três seriam abordadas:

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

MINIMIZANDO AS RESISTÊNCIAS

Envolvimento de todas as áreas da empresa para adotar o software colaborativona gestão de projetos Maximizar abrangência da iniciativa na organização

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

MINIMIZANDO AS RESISTÊNCIAS
O que Quem Onde Quando Por que Como

Divulgar para todos os colaboradores da empresa a implantação do software colaborativo

GCQT

Para que todos os colaboradores sala de antes da saibam por quais reunião/ reuniao da implementa treinamentos mudanças aempresa ção empresa estará passando Para que todos os colaboradores sala de antes da saibam por quais reunião/ reuniao da implementa mudanças a treinamentos empresa ção empresa estará passando

divulgar para todos os colaboradores quais as vantagens de se adotar esse projeto

GCQT

Reunir com departamentos isolados visando adequação dos projetos

Para melhorar o foco durante a sala de antesda realização dos reunião/ GCQT/ reuniao da implementa projetos apresentação de Consultoria empresa ção evidenciando ações sempre todas as ações tomadas

G E S T Ã O D E P R O J E T O S

MINIMIZANDO AS RESISTÊNCIAS
O que Quem Onde Quando Por que Como

Para avaliar as GCQT/ sala de antes da falhas em cada Levantamento dos historicos de Consulto reuniao da implement projeto e propor...
tracking img