Carl marx

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1082 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Carl Marx
Explique e diferencie:

1- Forças produtivas e relações de produção:
De acordo com Marx, as forças produtivas, também chamadas de “forças de produção”, são feitas pelos meios de produção – terras, capitais, matérias- primas, equipamentos e ferramentas -, pelos métodos e técnicas de utilização e pelos trabalhadores. Em articulação com as relações de produção, constituem o modo deprodução, também designado por ‘base’ ou ‘infraestrutura’ de formação econômica e social.

2- Estrutura e Superestrutura:

Estrutura: uma formação social composta uma dupla dimensão, chamada por Karl Marx de infraestrutura. a infraestrutura da sociedade corresponde à base material cuja centralidade está no processo de trabalho, o que implica a articulação entre as forças produtivas e oconjunto das relações de produção. Sempre a uma infraestrutura corresponderá uma superestrutura, que é expressão dessas relações de produção. a superestrutura é o conjunto das representações sociais, como as jurídicas, as políticas e as religiosas e que justificam e visam à preservação das relações sociais em seu status quo.
O conceito de superestrutura de Marx está contido dentro da sua concepçãofilosófica do materialismo histórico. Escreveu Marx: "... Na produção social da sua existência, os homens entram em relações determinadas, necessárias, independentes da sua vontade; essas relações de produção correspondem a um grau de desenvolvimento dado as suas forças produtivas materiais. O conjunto dessas relações de produção constitui a estrutura econômica da sociedade, a base real sobre a qualse eleva uma superestrutura jurídica e política e à qual correspondem determinadas formas de consciência social. Num certo estado de seu desenvolvimento, as forças produtivas da sociedade entram em contradição com as relações de produção existentes ou com o que não é mais do que sua expressão jurídica, as relações de propriedade, no interior das quais se tinham movido até então. De formasevolutivas que eram, estas relações tornam-se entraves dessas forças. Então abre-se uma era de revolução social..."

3- Classe em si e classe para si:

A diferença entre “classe em si” e “classe para si” e a transformação de uma em outra, é descrita por Marx nos seguintes termos: “As condições econômicas transformaram a massa do país em trabalhadores. O domínio do capital criou uma situação comum,interesses comuns a esta massa. Assim, esta massa já constitui uma classe frente ao capital, ou seja, uma ‘classe em si’, mas não ‘por si mesma’. Na luta, esta massa se une, constitui uma classe ‘por si mesma’. Os interesses que defendem se tornam os interesses da classe.” (Miséria da Filosofia).
Uma classe é “em si” pelo simples fato de existir. Uma classe é “para si” quando toma consciência doque a distingue de outras classes, ou seja, quando adquire “consciência de classe”.

4- Valor de uso e valor de troca:

O valor de uso é medido pelo trabalho concreto, ou seja, do trabalho que depende da habilidade humana.
O valor de troca da mercadoria está relacionado à quantidade de tempo que o trabalhador gasta para produzi-la.
Veja o exemplo seguinte: para se confeccionar casacos,alguns alfaiates levarão mais tempo que outros. Contudo, na confecção do mesmo, a sociedade estabelece um tempo necessário para que o mesmo seja produzido, por exemplo, 1 hora, o que significa dizer que se alguns desses alfaiates não produzirem dentro desse período estabelecido, serão "engolidos" pela concorrência. Este tempo é determinado pela intensidade das forças produtivas existentes nomomento.
          Se um indivíduo é um alfaiate, sua profissão produz o valor de uso: ele sabe fazer roupas. E, roupas têm serventia (valor de uso). Mas, se ele demorar mais de uma hora para produzir um casaco, estará sendo pouco produtivo. Algum outro alfaiate, ao produzir mais em menos tempo, colocara mais peças no mercado e, por conseguinte, lucrará mais do que o primeiro.
           Assim, para...
tracking img