Bolsa de valores

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2636 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Centro Universitário Fundação
Santo Andre - FAECO

fffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffff

Bolsas de Valores

Santo Andre
2010
SUMARIO

INTRODUCAO 3
OBJETIVO 4
AS BOLSAS DE VALORES NA HISTORIA5
O MERCADO DE ACOES 5
MERCADO DE OPCOES 6
NEGOCIACAO SEM CERTIFICADOS (ESCRITURAL) 7
MERCADO A TERMO DE ACOES 7
CONCLUSAO9
BIBLIOGRAFIA 10

Introdução
A grande maioria das pessoas técnica ou não, de todas as classes sociais no Brasil desconhecem o objetivo e o funcionamento das bolsas de valores, quando muito, ouvem no final dos noticiários televisivos,escritos e radiofônicos, os índices das principais bolsa de Valores do país, a saber, Bovespa e BVRJ, com valores percentuais que indicam, apenas para poucos, qual foi o resultado das sua aplicações financeiras, embasadas nesses índices, enfim, para a grande maioria é apenas um local onde operadores “loucos” e “estressados” gritam uns para os outros com, seus “telefones sem-fio” presos entre o ombro ea cabeça, com blocos de anotações e caneta nas mãos.
A História recente do Brasil, também mostrou as bolsas de valores, como palco, segundo a opinião dos contrários, para a entrega do patrimônio da nação aos grupos estrangeiros. Opiniões políticas à parte, as bolsas de valores são o símbolo das economias capitalistas, que venceram a queda de braço com as socialistas.

Objetivo
O objetivodeste trabalho é esclarecer uma série de dúvidas sobre o funcionamento das bolsas de valores na economia brasileira e, por que não, no mundo capitalista.
Não é objetivo deste trabalho, ser um tratado sobre aplicações que indique os caminhos para entrar neste mercado, esta tarefa é indicada para profissionais da área financeira.
A Bolsa de Valores, essa “desconhecida”
As bolsa de valores sãoassociações civis, sem fins lucrativos e com funções de interesse público. Atuando como delegadas do poder público, têm ampla autonomia em sua esfera de responsabilidade. Além de seu papel básico de oferecer um mercado para a cotação dos títulos nelas registrados, orientar e fiscalizar os serviços prestados por seus membros, facilitar a divulgação constante de informações sobre as empresas e sobre osnegócios que se realizam sob seu controle, as bolsas de valores propiciam liquidez às aplicações de curto e longo prazos, por intermédio de um mercado contínuo, representado por seus pregões diários. É por meio das bolsas de valores que se pode viabilizar um importante objetivo de capitalismo moderno: o estímulo à poupança do grande público e ao investimento em empresas em expansão, que, diantedeste apoio, poderão assegurar as condições para seu desenvolvimento.

As Bolsas de Valores na história
Segundo alguns historiadores, as atuais bolsas de valores nasceram na Roma antiga. Para outros, sua origem está, na Grécia antiga, onde os comerciantes se reuniam nas maiores praças para tratar de negócios. O certo é que elas surgiram nas mais antigas civilizações, com atribuições bem diferentesdas bolsas de valores de hoje.
A origem da palavra bolsa de valores - em seu sentido comercial e financeiro - está, para muitos, na cidade de Bugres, na Bélgica. O seu nome viria de Van der Burse, proprietário da casa onde se reuniam normalmente, a negócios, alguns comerciantes para realização de negócios.
Em 1141, Luís XII instalou a Bourse de Paris. Em 1698, era criada a Bolsa de Valores de...
tracking img