Biologia resumo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1229 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Biologia – Especí 01 1ºTrimestre 2º Série
fica

Resumo de Biologia
-Sistemá e Classificaç o Bioló
tica
ã
gica;


Nomeclatura binomial;



Categorias taxô
micas;



Sistemá Moderna;
tica



Aná de Cladogramas;
lise



Reinos: principais caracterí
sticas;

-Ví
rus:


Caracterí
sticas Gerais, estrutura, ciclo e Imunizaç o.
ã

-Tecido Epitelial;
-TecidoConjuntivo.
-Classificaç o Bioló : ganhou importâ
ã
gica
ncia quando Lineu, na Gré antiga, criou grupos de seres
cia
vivos com caracterí
sticas semelhantes, posicionados hierarquicamente em: Reino, Filo, Classe, Ordem,
Famí Gê
lia, nero e Espé
cie.
-Nomeclatura Binomial: os nomes das espé
cimes classificadas sã escritas em latim e divididas d uas
o
partes: o Epí Gené
teto
rico(Substantivo - Gê
nero) e o Epí Especí (Adjetivo). A junç o dos dois
teto
fico
ã
epí
tetos compõ o nome da espé em questã
e
cie
o.
Ex: Gê
nero - Homo, Espé – Homo Sapiens.
cie
-Categorias taxô
micas: Reino, Filo, Classe, Ordem, Famí Gê
lia, nero e Espé
cie.
-Conceito de Espé : grupo de indiví s capazes de se cruzar e reproduzir descendentes fé
cie
duo
rteis, com
isolamentoreprodutivo em relaç o a outras espé
ã
cies.
-Conceito de espé Filogené : linhagem derivada diretamente de uma ú
cie
tico
nica linhagem ancestral,
com uma histó evolutica pró
ria
pria. Com identidade em relaç o a outras espé
ã
cies.
-Sistemá ica Moderna: busca estabelecer um sistema natural de classificaç o, em que as espé
t
ã
cies
sejam divididas de acordo com o grau de parentescoevolutivo, para isso, éfeita a aná anatô
lise
mica
(ultraestruturas), fisioló
gica, ecoló
gica, comportamental, filogené
tica e molecular (DNA, RNA e
proteí ) dos indiví
nas
duos estudados. Esse estudo basea-se em encontrar padrõ de semelhanç entre
es
a
diferentes espé para encontrar estruturas correspondentes herdados de um mesmo ancestral comum.
cies
“Se uma novidade evolutiva surgiu eficou na espé entã as espé descendentes a possuirã ”
cie,
o
cies
o.
-Órgã Homó
os
logos: estruturas corporais de desenvolvimento semelhante, em embriõ de
es
ancestralidade comum.
-Órgã Aná os: estruturas corporais que aparecem de forma independente em diferentes grupos de
os
log
organismos, constituindo adaptaç es a modos de vida semelhantes.
õ
-Apomorfia: (apo,longe de,morphos,forma) novidade evolutiva.
-Plesiomorfia: (plesio,pró
ximo de, morphos, forma) caracterí
stica primitiva.
-Sinapomorfia: (sin, juntamente, simultaneamente) compartilhamento de caracterí
sticas.
-Cladogramas: (clados, ramo, divisã representaç es grá
o)
õ
ficas em forma de á
rvore, nas quais sã
o
mostradas as relaç es filogené
õ
ticas entre os grupos de seres vivos considerados.
-Gruposmonofilé
ticos: Possuem ancestral comum exclusivo.
-Grupos polifilé
ticos: Possuem mais de um ancestral.
-Reinos:


Monera: seres procarió
ticos sem separaç o fí a entre o material nuclear e o citoplasma. Ex:
ã sic
bacté e arqueas.
rias



Protoctista: categoria artificial que inclui organismos com origens evol utivas distintas em um
mesmo reino. Inclui protozoá e algas.
rios

Fungi: seres eucarió
ticos, unicelulares ou multicelulares com o corpo formado por filamentos
(hifas). Inclui os fungos.

Biologia – Especí 01 1ºTrimestre 2º Série
fica



Plantae: seres eucarió
ticos, multicelulares e autotró
ficos fotossintetizantes. Reú as plantas. Os
ne
principais componentes do reino sã os musgos, samambaias, pinheiros e planmtas frutí
o
feras.

Animalia: seres eucarió
ticos, multicelulares e heterotró
ficos. Inclui uma grande variedade de
organismos, desde as esponjas atéos cordados.

-Ví : menores entidades bioló
rus
gicas conhecidas. Nã tê classificaç o nos Reinos. Sã acelulares e
om
ã
o
parasitas intracelulares obrigató
rios, já que precisam de cé
lulas hospedeiras para se reproduzir. Sã
o
sistemas bioló
gicos que...
tracking img