Biografia de j. schumpeter

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 46 (11446 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1-Biografia de J.A.Schumpeter(1883-1950)
 Joseph Alois Schumpeter nasceu no dia 8 de fevereiro de 1883 em Triesch, na Morávia, província austríaca hoje pertencente à Republica Tcheca. Schumpeter foi o único filho do fabricante de tecidos Alois Schumpeter. Pouca coisa se sabe a respeito de seus pais, exceto que a mãe, Johanna, era filha do médico Julius Grüner. Schumpeter ficou órfão de pai comapenas quatro anos de idade e sua mãe casou-se novamente em 1893 com o tenente-coronel do Exército Austro-Húngaro Sigismund Von Keller. A família passou então a viver em Viena, onde concluiu o curso secundário com distinção. Posteriormente, ingressou na Faculdade de Direito da Universidade de Viena, graduando-se em 1906. Nessa época, as universidades imperiais incluíam no estudo de Direito cursose exames complementares de Economia e Ciência Política. Aluno aplicado, Schumpeter dedicou-se ao estudo da ciência econômica, sem no entanto descuidar-se do Direito.
 Já formado, decidiu viajar para a Inglaterra, onde permaneceu durante vários meses, principalmente em Londres. Na capital inglesa, além de visitar Cambridge e Oxford, manteve intensa vida social. Em 1907 resolveu casar-se comGladys Ricarde Seaves, filha de alto dignitário da Igreja Anglicana e doze anos mais velha que ele. No mesmo ano o casal partiu para o Cairo, onde Schumpeter advogou perante o Tribunal Misto Internacional do Egito, sendo também conselheiro de finanças de uma princesa egípcia. Motivos de saúde, entretanto, obrigaram o casal a retornar para Viena em 1909. Gladys voltou para Inglaterra em 1914, lápermanecendo durante a I Guerra Mundial, não retornando mais a Viena. Em 1920, o casal decidiu divorciar-se.
Schumpeter iniciou a vida universitária no mesmo ano em que retornou à Áustria, ou seja, a partir de 1909. Nomeado professor de Economia da Universidade de Czernowitz (capital da província de Bukovina, na parte oriental da Áustria), Schumpeter passou dois anos bastante felizes. É verdade queconsiderava seus colegas extremamente provincianos e incultos, embora os julgasse capazes em seus respectivos campos de atividade. Foi em Czernowitz, aliás, que teve início sua fama de enfant terríble. Schumpeter costumava assistir às reuniões da Congregação Universitária com botas de montaria, suscitando comentários desfavoráveis. Mas para jantar a sós com a esposa vestia-se a rigor.
  Em 1911,convidado a lecionar na Universidade de Graz foi nomeado professor de Economia por decreto imperial, graças à influência do economista austríaco Böhm-Bawerk. Além de ser o mais jovem catedrático da Universidade, a fama de enfant terrible criou um certo mal-estar entre os colegas da congregação. A atmosfera pouco cordial obrigou Schumpeter a viajar frequentemente para Viena.
Na qualidade deprofessor visitante, passou o ano letivo de 1913/1914 na Universidade de Colúmbia (Nova York), onde foi distinguido com um grau honorífico. Pouco antes do início da Primeira Guerra Mundial, retornou a Viena, abandonando a Universidade de Graz a partir de 1918. Não obstante, continuou a pertencer ao quadro da congregação até 1921.
Entre 1919 e 1924, decidido a dedicar-se aos negócios e à política,resolve se afastar das atividades docentes. Com o Armistício, o governo socialista alemão, objetivando estudar e preparar a socialização da indústria, cria uma comissão de estudos e convida Schumpeter para participar das discussões. Nomeado membro da "Comissão de Socialização de Berlin", Schumpeter permanece no grupo durante três meses; sua participação nesse trabalho fez com que se suspeitasse de suasconvicções socialistas. A suspeita, entretanto, não correspondia à verdade: Schumpeter tendia para o sistema capitalista, embora acreditasse que o socialismo provavelmente triunfaria sobre o capitalismo.
Em março de 1919 aceitou convite de Karl Renner, socialista da ala direita do Partido Socialista Cristão, para ser o Ministro da Fazenda o primeiro governo republicano da Áustria. Mas...
tracking img