Bifobia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3548 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Bifobia
"As pessoas te põem em caixinhas, tem que ser gay, hétero ou bi. Estou mostrando que as coisas não são assim tão limitadas. As pessoas odeiam quando as coisas não cabem nas suas ‘caixas’ classificatórias..."
Buck Angel























Nome:Samantha Helen n°:33 LD1
Agradecimentos: A Matheus Shigueo por toda a ajuda e tempo gasto com estetrabalho.
O que determina a atração sexual?
Segundo o psiquiatra e psicodramatista Ronaldo Pamplona, no seu livro Os onze sexos, nascemos homens ou mulheres - biologicamente falando, mas isso sozinho não definirá nossa vida sexual. Iremos desenvolver durante nossa vida a formação da identidade sexual. E a maioria dos autores que estudam a psique humana dizem que isso ocorre na infância, em média entreos 5 e 7 anos de idade. Na prática é a sensação que nosso sexo psicológico está de acordo ou não com nosso sexo anatômico.
Essa orientação afetivo-sexual diz respeito a sensação interna que cada pessoa tem de ser capaz de se relacionar amorosa e/ou sexualmente com alguém. É ela que vai determinar a sua atração sexual.
Se essa atração ocorrer por alguém de sexo igual ao seu - será uma atraçãohomossexual, se a atração sexual for por alguém de sexo diferente do seu - será uma atração heterossexual, ou ainda se a atração sexual ocorrer tanto pelo sexo feminino como pelo masculino - será uma atração bissexual.
Não se sabe exatamente como essa orientação - inclinação - sexual se define, mas o mais importante é deixar claro que a orientação sexual não é uma opção pessoal. Também não é umaimaturidade sexual, nem uma 'safadeza' e sim uma orientação sexual desenvolvida com influências psicossociais e biológicas que ainda não se sabe ao certo o quanto podem interferir nessa orientação.,
Essas questões ainda não são completamente definidas pela ciência. É importante deixar claro que essa orientação afetivo-sexual e seus desejos independem da vontade do sujeito, da vontade de seus pais oufamiliares ou do grupo social que freqüente.









Como funciona a bissexualidade?

Quando falamos de bissexualidade falamos de uma identidade de gênero bissexual, ou seja, a mulher (biologicamente falando) se sente psicologicamente mulher mas terá atração e desejo por homens e mulheres, o homem (biologicamente falando) se sente psicologicamente homem, mas terá atração por homens emulheres.
O bissexual sente atração sexual igual por homem e mulher! O que podemos observar na realidade é que o homem bissexual se sente atraído pelos dois sexos, só que há uma inclinação maior em termos de freqüência de relação sexual por um dos sexos.













As pessoas podem assumir a bissexualidade em qualquer idade?
Sim. Existem muitas situações que podem interferir navida das pessoas. Uma pessoa com uma orientação bissexual pode viver uma relação de amor intenso e significativo o que faz com que essa pessoa viva na heterossexualidade muito tempo. Mas é possível que se houver uma crise nessa relação, se houver uma separação, uma viuvez ou até a aproximação de alguém que se torne interessante e saiba seduzir, que o desejo bissexual venha à tona."FOBIA"
Ao analisar a palavra “fobia” que do Grego significa “medo”, percebe-se que em determinados contextos ela é usada indevidamente e para fins de ordem pessoal. Isto porque as fobias modernas não estão mais ligadas à aversão a animais ou a situações de pânico, na qual o individuo tem receio de estar em lugares públicos, ou em ambientes muito fechados, como nos casosdas pessoas que têm claustrofobia. Hoje, utilizam-se dessa sigla para justificar atos de violência, geralmente direcionados às minorias desfavorecidas pelas esferas governamentais. A exemplo pode-se falar da comunidade LGBTT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transex)


















Visão social da bissexualidade
Embora, teoricamente, por se apresentar também nela uma...
tracking img