Beterraba

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1739 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de abril de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto





ALESSANDRA MOURA, AMANDA JESUS, ANDRÉIA LUÍSA, ANDRÉIA MATOS E BRUNA ALICE





BETERRABA









SENHOR DO BONFIM-BAHIA
2013







ALESSANDRA MOURA, AMANDA JESUS, ANDRÉIA LUÍSA, ANDRÉIA MATOS E BRUNA ALICE





BETERRABA


Trabalho com o intuito de obtenção de aprendizagem sobre a cultura na disciplina de Agricultura I, sob a orientação do Prof.José Marcone.






SENHOR DO BONFIM-BAHIA
2013
SUMÁRIO









1 INTRODUÇÃO

A beterraba (Beta vulgaris) é uma planta que pertence à família quenopodiácea. É uma cultura anual, herbácea, produz uma raiz tuberosa, comestível, com formato esférico a globular-achatado e sabor bastante adocicado. Embora a raiz seja o principal produto comercializado, as folhas correspondem à partemais nutritiva dessa planta herbácea.
A cor forte da beterraba é conferida pela presença de antocianinas, que são pigmentos fenólicos ligados a açúcares que conferem às flores e alguns frutos suas cores características.
O ciclo da planta varia em função de variedades, de 60 a 70 dias, do plantio à colheita. A propagação é feita através de sementes, plantadas diretamente no campo ou através demudas com 5 a 6 folhas e 15 centímetros de altura, produzidas em estufa. Cada “semente comercial” contem 2 a 4 sementes verdadeiras. 
Existem quatro formas de beterraba: a açucareira (elevado conteúdo em açúcar), forrageira (utilizada na alimentação de gado), ornamental (folhagem desenvolvida) e a hortícula (comestível).
Os principais produtores de beterraba são os Estados Unidos, a França e aAlemanha.








2 DESENVOLVIMENTO

2.1 Origem

A beterraba é descendente de uma planta marinha originária do Mediterrâneo e das regiões do Atlântico Norte na Europa e África do Norte, e foi primeiramente descoberta pelos romanos que foram os primeiros a cultivar o produto para usar a raiz como alimento. As tribos que invadiram Roma foram responsáveis pela disseminação da beterraba aolongo do norte da Europa. No Brasil, a beterraba foi inicialmente usada para alimentar os animais e apenas no séc. XI se tornou popular o seu consumo pelos humanos.
O valor da beterraba cresceu no século 19 quando foi descoberto que elas eram uma fonte concentrada de açúcar. Quando o acesso à cana-de-açúcar foi restringido pelos ingleses, Napoleão decretou que a beterraba devia ser usada como aprincipal fonte de açúcar, catalisando a sua popularidade. Por esta altura, beterraba também foi trazida para os Estados Unidos. 

2.2 Estrutura

A beterraba é encontrada na forma de uma raiz tuberosa adaptada para armazenar reservas de nutrientes, vitaminas e energia, carnuda, fusiforme, geralmente vermelha, e que pode ser comestível. Possui folhas com bordas recortadas, coloração verde, naparte superior, avermelhadas, na inferior, e se apresentam em forma de tufo na parte superior da raiz tuberosa, sendo nas folhas que se encontram as maiores quantidades de cálcio, ferro, sódio, potássio e vitaminas A, B e C. Quanto ao florescimento, em culturas comerciais, as plantas não florescem, porque as raízes tuberosas necessitam de um choque de baixa temperatura para estimular oflorescimento. Já o fruto da beterraba é seco, com uma semente lenticular.
2.3 Solo ideal

O solo ideal para a beterraba é o que tem pH acima de 5,5-6, caso contrário, o crescimento será retardado. Para a beterraba se desenvolver melhor, preferir solos leves e de textura média ou argilosa, ricos em matéria orgânica, bem drenados e com baixa acidez. O solo deve ser arado e gradeado, de modo a possibilitar aconstrução de canteiros bem destorroados e fofos, condição necessária para se obterem raízes bem desenvolvidas e de boa conformação.
O cultivo de beterraba necessita de solo rico em nutrientes e um alto teor de fósforo para germinar. No entanto deve-se usar pouco nitrogênio, porque fará com que ele não cresça adequadamente.

2.4 Plantio

A beterraba produz bem sob temperaturas amenas,...
tracking img