Auls

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (688 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1.6.4. A qualidade do consumo dos produtos culturais
Os produtos da indústria cultural, «desde o mais típico, o filme sonoro, paralisam [a imaginação e a
espontaneidade] pela sua própiaconstituição objectiva. São feitos de tal modo que a sua adequada
apreensão exige não só prontidão de instinto, dotes de observação e competência específica como também
são feitos para impedir a actividademental do espectador, se este não quiser perder os factos que lhe
passam rapidamente pela frente» (Horkheimer - Adorno, 1947, 137).
Construídos propositadamente para um consumo descontraído, nãocomprometedor, cada um desses
produtos reflecte o modelo do mecanismo económico que domina o tempo do trabalho e o tempo do lazer.
Cada qual volta a propor a lógica da dominação que não se poderia apontarcomo efeito de um simples
fragmento mas que é, pelo contrário, próprio de toda a indústria cultural e do papel que ela desempenha na
sociedade industrial avançada.
O espectador não deve agir pelasua própria cabeça: o produto prescreve todas as reacções: não pelo seu
contexto objectivo - que desaparece mal se volta para a faculdade de pensar - mas através de sinais.
Qualquer conexão lógica queexija perspicácia intelectual, é escrupulosamente evitada (Horkheimer -
Adorno, 1947, 148).
Enquanto, nos romances populares de Dumas ou Sue, a moral da história era continuamente entrecruzada
porenredos secundários, por infindáveis tramas proliferantes e os leitores podiam deixar-se arrastar por
esse surpreendente jogo narrativo, hoje, isso não acontece:
cada espectador de um filmepolicial televisivo sabe com absoluta certeza como se chega ao fim. A tensão
só é mantida superficialmente e é impossível obter um efeito sério. Pelo contrário, o espectador sente,
durante toda a emissão,que está num terreno seguro (Adorno, 1954, 381).
O mesmo acontece no domínio da música ligeira: a sua audição «não é manipula da apenas pelos seus
promotores mas, de uma certa forma, também pelo...
tracking img