Aulas de campo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 36 (8805 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO DE ESTUDOS E PESQUISAS DO VALE DO ACARAÚ CURSO DE LINCENCIATURA ESPECÍFICA EM BIOLOGIA

CRISTIANO DE SOUZA PEREIRA

AS AULAS DE CAMPO COMO RECURSO METODOLOGICO NA APREDIZAGEM DE CIÊNCIAS DOS ALUNOS DA ESCOLA WILEBALDO AGUIAR.

ORIENTADORA: CONCEIÇÃO CÂNDIDO DE SOUSA

MASSAPÊ-CE
2009
CRISTIANO DE SOUZA PEREIRA

AS AULAS DE CAMPO COMO RECURSOS METODOLOGICO NA APREDIZAGEM DECIÊNCIAS DOS ALUNOS DA ESCOLA WILEBALDO AGUIAR

Artigo apresentado ao Curso de Graduação em Licenciatura Específica em Biologia como parte dos requisitos para a obtenção do Título de Licenciado em Biologia da Universidade Estadual Vale do Acaraú – UVA, sob a orientação da professora: Conceição Cândido de Sousa.

MASSAPÊ-CE
2009
PARECER

De acordo com aResolução N°. 33/2006 do conselho de Pesquisa Ensino e Extensão – CEPE, da Universidade Estadual Vale do Acaraú – UVA que dispõe sobre a apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso – TCC, como componente curricular obrigatório para a conclusão do Curso de Graduação, avaliamos o trabalho aqui apresentado, sob a forma de artigo científico, e, considerando que este se encontra em consonância com alegislação vigente e as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT.

Somos pela: Aprovação ( ) e atribuímos a nota _________( ).
Não aprovação ( ) justificativa: _____________________________________.

___________________________________________________
Orientador Professora Conceição Candido

__________________________________________________
Prof(a).Examinador

Orientando - Cristiano de Souza Pereira – Aluno do Curso de Licenciatura Especifica em Biologia – cristianomassape@yahoo.com.br
Orientador – Prof. Conceição Cândido de Sousa– sousaceica@hotmail.com

RESUMO

Este artigo apresenta reflexões e contribuições decorrentes de uma experiência com atividades práticas de campo na disciplina de Ciências com alunos do ensino médio daescola Wilebaldo Aguiar, uma escola do Estado Ceará, no município de Massapê. Os objetivos foram: viabilizarmos melhor a maneira de se ensinar Ciências, mostrando–se como seria melhor a aprendizagem em aula campais, com dados em formas de entrevista feitas ao alunos e professores de Ciências, onde me baseie, em alguns Autores, que desenvolveram técnicas de Ensino para o melhor captação dos Alunosde Ciências. Além de procurar inserir os alunos numa questão ambiental importante, analisando-a com o auxilio do método científico por meio de atividades experimentais. Foram avaliadas mudanças de valores e atitudes através de relatórios. Embora muitas dificuldades tenham surgido no decorrer do processo, a motivação e o envolvimento demonstrados pelos alunos confirmam o potencial didático dessamodalidade de ensino. Como resultado desta pesquisa foi à conclusão que o trabalho de campo ajuda a esclarecer conceitos em ecologia e interfere diretamente no desenvolvimento de atitudes mais favoráveis a favor do ambiente.

PALAVRAS-CHAVE: aulas de campo, professores e alunos.

1. INTRODUÇÃO

As aulas de ciências sempre foram realizadas em sala de aula, e que nem sempre foramobtidos os resultados de uma boa aprendizagem, sempre com nomes complicados, e sem os alunos entenderem, com fotografias desenhadas de como é a estruturas de microorganismos, existem instrumentos que esses podem ser vistos, mais não é tão acessível para a grande quantidade de alunos da rede pública, este artigo vem mostrar também como são monótonas as aulas em sala, onde os alunos não ficam tão atentosas explicações dos livros.
As aulas de campo é uma maneira que já se é usada, sem muita freqüência, devido às vezes por ser um local de pesquisa longe, é não se tem como se deslocar ate lá, os alunos ficam se conhecer muitas coisas relacionadas a ciências que sempre estão em nossa volta. Embora a questão dos aspectos subjetivos na educação seja muito mais amplamente discutida, pode-se notar...
tracking img