Atps vlamir - segunda parte paleteira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2760 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade do Grande ABC – UniABC – FEC

Vlamir Belfante









ATPS – CLP (Controles Lógicos Programáveis)

SEGUNDA PARTE









Nome: Flavio de Oliveira Barbosa RA: 30000492
Nome: Heloisa de Lima Assis RA: 30007874
Nome: Philipe Augusto de A. Neves RA: 30012265
Nome: Walter Dias Carlos Junior RA: 30019638
Nome: Wanderly Nunes RA: 30005345



SantoAndré – SP
Outubro de 2012
ETAPA 01 – MEMÓRIA DE UM CLP
O C.L.P (Controlador Lógico Programável) é um sistema microprocessado , ou seja, constituí - se de um microprocessador (ou microcontrolador), um programa monitor, uma memória de programa , uma memória de dados, uma ou mais interfaces de entrada, uma ou mais interfaces de saída e circuitos auxiliares.
Segue abaixo, um esquema internosimplificado de um CLP.
[pic]

Existem vários tipos de memória e estruturas internas de CLP. Abaixo iremos ver a diferença entre alguns tipos de CLP conforme sua capacidade de processamento.
A capacidade de um CLP pode ser caracterizada por vários fatores. Podemos ressaltar que, com a popularização dos micro - controladores e a redução dos custos de desenvolvimento eprodução, houve uma avalanche no mercado de tipos e modelos de CLP’s, os quais podem dividir em:


← Nano e Micro
São CLP’s de pouca capacidade de E/S (máximo 16 Entradas e 16 saídas), normalmente só digitais, composto de um só módulo (ou placa), baixo custo e reduzida capacidade de memória (máximo 512 passos).
← Médio Porte:
São CLP’s com uma capacidade de entrada e saída de até 256pontos, digitais e analógicas, podendo ser formado por um módulo básico, que pode ser expandido. Costumam permitir até 2048 passos de memória, que poder interna ou externa (Módulos em Cassetes de Estato - Sólido Soquetes de Memória, etc.), ou podem ser totalmente modulares.

← Grande Porte:
Os CLP’s de grande porte se caracterizam por uma construção modular, constituída por uma fonte dealimentação, CPU principal, CPU’s auxiliares, CPU’s dedicadas, Módulos de E/S digitais e Analógicos, Módulos de E/S especializados, módulos de redes locais ou remotas, etc., que são agrupados de acordo com a necessidade e complexidade da automação. Permitem a utilização de até 4096 pontos de E/S. São montados em um bastidor (ou Rack) que permite um Cabeamento Estruturado.
Agora iremosexplanar as memórias de um CLP.
← Memória do programa monitor:
O programa monitor é responsável pelo funcionamento geral do CLP. Ele é o responsável pelo gerenciamento de todas as atividades do CLP. Não pode ser alterado pelo usuário e fica armazenado em memórias do tipo PROM, EPROM ou EEPROM. Ele funciona de maneira similar ao sistema operacional dos microcomputadores. É o programa monitor quepermite a transferência de programas entre um microcomputador ou terminal de programação e o CLP, gerenciar o estado da bateria do sistema, controlar os diversos opcionais, etc.


← Memória do Usuário:
É onde se armazena o programa da aplicação desenvolvido pelo usuário. Pode ser alterada pelo usuário, já que uma das vantagens do uso de CLPs é a flexibilidade de programação.Inicialmente era constituída de memórias do tipo EPROM , sendo hoje utilizadas memórias do tipo RAM ( cujo programa é mantido pelo uso de baterias ) , EEPROM e FLASH-EPROM , sendo também comum o uso de cartuchos de memória, que permite a troca do programa com a troca do cartucho de memória. A capacidade desta memória varia bastante de acordo
com o marca/modelo do CLP, sendo normalmente dimensionadas emPassos de Programa.
← Memória de Dados:
É a região de memória destinada a armazenar os dados do programa do usuário. Estes dados são valores de temporizadores, valores de contadores, códigos de erro, senhas de acesso, etc. São normalmente partes da memória RAM do CLP. São valores armazenados que serão consultados e ou alterados durante a execução do programa do usuário. Em alguns CLP’s ,...
tracking img