Arvore de produtos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3604 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ÁRVORE DE PRODUTOS


Nível 0



Nível 1



Nível 2


Nível 3



Vamos considerar uma árvore de produtos como a exemplificada acima.
O produto final (A) será constituído de 3 componentes: (B), (C) e (D). Podemos, ainda, observar que serão necessários (2) itens (B) para formar cada item (A).
O uso de 2 peças (B) para formar um produto (A) pode ser exemplificado no caso de umcarro:
Cada 1 (um) veículo produzido irá consumir 5 (cinco) rodas – não esquecer o sobressalente. Assim sendo, no exemplo do carro, teremos no item “rodas” a especificação de “5” peças para cada produto “pai” - no caso, um carro.
Chamamos o produto (A) de produto PAI, e os produtos (B), (C) e (D) de FILHOS do pai (A).
Por convenção, e pela própria lógica, na construção de uma árvore deprodutos, o número após a identificação do item irá indicar qual a quantidade deste item será necessária para construção do item PAI. Não faz nenhum sentido eu dizer que preciso “construir” 2 produtos (B) para consumir 1 produto (C). Neste caso, faz-se necessário transformar a unidade do produto (C) em uma unidade fracionada, mas não é o desejado neste ponto da apostila.
Na segunda linha, podemos ver3 componentes, (B), (C) e (D).
Agora, considerando o produto (B), podemos dizer que ele é o PAI dos itens (E) e (D). Ou seja, para se construir um produto (B) teremos de usar os “filhos” (E) e (D), sendo que serão necessários 2 (D) para cada (B) produzido.
Neste ponto vemos outra curiosidade:
O produto (D) é usado na fabricação do produto (A), mas também é usado na construção do produto(B). Isto é muito comum na “vida real”. Seria, por exemplo, a linha de costura usada em uma fábrica de roupas. A mesma linha que será usada no acabamento dos cortes das peças será usada na junção das diferentes peça que formam o produto final – as partes traseira à dianteira de uma blusa, por exemplo, formando o corpo desta blusa. As mangas serão presas ao corpo da blusa usando-se a mesma linha,assim como os botões, a etiqueta, etc.
Outro exemplo seria numa máquina qualquer, onde o mesmo tipo de parafuso é usado em diferentes montagens. Simplificando, trata-se do mesmo item sendo usado diversas vezes, em diferentes locais.
A forma adotada acima poderá se apresentar de diversas maneiras, dependendo do tipo de algoritmo que a empresa usa.
Para explicação de cálculo de demandas e datas deentregas usaremos o exemplo da árvore de produtos mostrada no alto da página, mas o mesmo seqüênciamento produtivo mostrado acima poderia ser apresentado de outras formas, como, por exemplo, na forma abaixo ilustrada.
Cada coluna representará um nível construtivo.
Teremos os mesmos “pais” para os mesmos “filhos”.

Exemplificando:

A
B
E
D
H
D
D
C
F
I
D
GTABELA “LLC”

Voltando à árvore de produtos, para montagem de nosso algoritmo, a primeira coisa que devemos fazer é uma curva de níveis, também chamada de tabela LLC – ou tabela do menor nível de uso.
Nesta tabela colocamos os produtos de DEMANDA INDEPENDENTE, ou seja, cuja demanda não depende de nosso esforço interno, mas sim do mercado consumidor, no nível 0 (zero). Todos os produtosque são vendidos separadamente serão considerados de DEMANDA INDEPENDENTE.
Já os produtos ligados aos produtos de demanda INDEPENDENTE, serão chamados de produtos com DEMANDA DEPENDENTE.
Exemplificando, podemos citar o CARRO. Ele terá uma demanda INDEPENDENTE. Seu consumo será ditado pelo mercado consumidor. Entretanto, para cada carro vendido, independente da quantidade vendida, serãonecessários 5 rodas completas. Cada roda será formada de um pneu, uma roda e uma válvula. Simplificadamente, sua árvore será assim:




CARRO

RODAS(5) MOTOR CAMBIO etc

PNEU ARO VÁLVULA



Vale ressaltar que serão necessárias 5 rodas para cada veículo, mas para cada roda, apenas um pneu, um aro e uma válvula. O número 5 após “RODAS” refere-se apenas à quantidade necessária de...
tracking img