Artigos sobre o ensino de artes para deficientes mentais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5843 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO ÀS ANEMIAS HEMOLÍTICAS

m indivíduos normais, somente os eritrócitos "envelhecidos" ou Senescentes são removidos pelo sistema reticuloendotelial do fígado e baço. No geral, após sua liberação da medula óssea para o sangue periférico, como reticulócito, a vida média de uma hemácia se estabelece em torno de 120 dias.

E

garante uma área de superfície proporcionalmente maior do queo seu volume. Durante a passagem pelos cordões esplénicos, as hemácias encontram um ambiente um tanto "hostil", marcado pelahipóxia, acidez e uma grande quantidade de macrófagos capazes de reconhecer qualquer anormalidade na membrana eritrocítica. Os macrófagos esplénicos podem fagocitar "pedacinhos" de hemácia, retirando resíduos nucleares (corpúsculos de Howell-Jolly), hemoglobina desnaturada(corpúsculos de Heinz) e pigmentos férricos (corpúsculos de Peppenheimer). Ou então, fagocitam a hemácia 'inteira', removendo-a da circulação. São removidas apenas as hemácias senescentes (com 120 dias) e patológicas. Esta função seletiva que o baço executa durante a passagem de células hematológicas pelos seus cordões e fendas sinusoidais, é denominada Hemocaterese. 1- Definição de HemóliseComo é a passagem das hemácias pelo baço? Observe a FIGURA 1. O sangue penetra no parênquima esplénico pelas arteríolas centrais, quando entra em contato com a chamada 'polpa branca' uma verdadeira bainha de tecido linfóide, contendo linfócitos B e T. Os ramos da arteríola central desaguam diretamente no interstício (cordões esplénicos de Bilro th), na chamada 'polpa vermelha'. Para retornarem àcirculação, as células hematológicas precisam passar através de 'fendas' endoteliais nos sinusóides esplénicos. Os sinusóides então convergem para o sistema venular e venoso do órgão. As fendas sinusoidas têm um diâmetro de apenas 2-3 micra, enquanto que as hemácias possuem um diâmetro médio de 8 micra. Ou seja, só poderá passar pela fenda as hemácias que tiverem a capacidade de se deformar. Paraisso, precisam manter suas propriedades viscoelásticas e o formato bicôncavo, o que

Se a eritropoiese medular estiver normal, com estoques de ferro, ácido fólico e B12 preservados, a meia vida das hemácias pode se reduzir para até 20-25 dias, sem que se desenvolva anemia. Isto pode ser explicado pela grande capacidade da medula em aumentar a produção de hemácias (em até 8 vezes). Quando a meia viaeritrocítica chega a um valor inferior a 20 dias, instala-se uma anemia hemolítica. Quando a meia vida está reduzida, mas não a ponto de causar anemia, dizemos que há 'hemólise compensada' . Perceba que um estado de hemólise compensada pode evoluir rapidamente para anemia hemolítica se houver qualquer problema que afete a eritropoiese, tal como a redução dos estoques de ferro, ácido fólico ou BI2,ou uma infecção dos eritroblastos pelo parvovírus B19 (ver adiante). 2- Hemólise Extravascular e Intravascular Na hemólise extravascular (o tipo mais comum), as hemácias são destruídas no tecido retículo-endotelial - especialmente no baço, pelos macrófagos dos cordões esplénicos de Bilroth. Diversos são os mecanismos. Alterações hereditárias ou adquiridas que afetam o citoesqueleto, a membrana oua forma dos eritrócitos dificultam sua passagem pelas fendas sinusoidais e, portanto, aumentam o contato das

9

1 O

MEDCURSO - "Do INTERNATO À RESIDÊNCIA"

hemácias com os macrófagos. O revestimento da membrana eritrocítica por anticorpos IgG ou componentes do complemento (C3b) permite o seu pronto reconhecimento pelos receptores macrofágicos, determinando uma destruição precoce.

dosangue periférico como grandes hemácias azuladas (FIGURA 3). A presença dessas células confere o aspecto chamado policromatofilia ou policromasia. A resposta medular também pode ser observada no mielograma: há uma intensa hiperplasia eritróide, característica de toda anemia hemolítica. Qualquer anemia estimula a produção e liberação de eritropoietina pelo rim, portanto, mesmo em anemias como a...
tracking img