Artigo : uma analise das politicas publicas do sudoeste do paraná

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4837 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UMA ANÁLISE DAS POLÍTICAS PÚBLICAS DE LAZER NO SUDOESTE DO PARANÁ
Rozana de Oliveira¹
Sinara Miniuk²
Osni Zioli ³


RESUMO: O presente trabalho teve como objetivo conhecer a realidade do lazer em quatro municípios do sudoeste do Paraná. Como instrumento para a realização da pesquisa, foi utilizado umquestionário com perguntas abertas direcionadas aos dirigentes de esporte e lazer dos municípios de Chopinzinho, Francisco Beltrão, Marmeleiro e Renascença. As perguntas colaboram para reflexão questões referentes aos equipamentos de lazer, tempo e atitude de lazer, profissionais e projetos relacionados ao lazer. Os dados foram analisados e discutidos tendo como suporte uma pesquisa bibliográficarealizada com intuito de aprofundar os conhecimentos sobre o lazer e sua relação com os temas sociais relevantes para o a sociedade, como políticas públicas de lazer, sustentabilidade, responsabilidade social, qualidade de vida e saúde.

PALAVRAS-CHAVE: Lazer, Políticas Públicas, Eventos e equipamentos de lazer.


1 INTRODUÇÃO
A pesquisa que ora se apresenta surgiu do interesse enecessidade profissional de conhecer as Políticas Públicas de Lazer de quatro municípios pertencentes à região sudoeste do Paraná, Chopinzinho, Francisco Beltrão, Marmeleiro, Renascença onde atuamos profissionalmente, com o intuito de comparar as políticas públicas de lazer entre eles e, verificar a atuação dos gestores públicos e demais setores envolvidos nesse processo.
A pesquisa realizada éde caráter qualitativo, de acordo com Thiollent (1985), pois iniciou-se com um estudo teórico- bibliográfico, o qual serviu de fundamentação para maior entendimento do assunto em questão. Esse referencial teórico preocupou-se de conceituar o lazer e explicar o papel das Políticas Publicas no âmbito do lazer.
O público alvo foram os seguintes municípios: Francisco Beltrão, Pato Branco,Chopinzinho, Coronel vivida, Marmeleiro, Renascença, sendo que não houve retorno dos municípios de Pato branco e Coronel vivida. A pesquisa foi respondida pelos secretários de esporte de cada município.
O instrumento de pesquisa consistiu em um questionário de 20 questões abertas, elaborado e entregue pela pesquisadora aos chefes das divisões ou setores de esporte e lazer. Posteriormenterecolhidos, as respostas foram analisadas, inferenciadas, e debatidas.
Tecerem-se então as considerações finais e apresentaram-se as referencias bibliográficas.
O estudo permitiu o entendimento de que uma atividade de lazer hoje é uma escolha pessoal e cabe a administração pública ofertá-la gratuitamente à população; ressalta-se ainda neste estudo que o lazer é dividido em diferentesáreas de interesse (física, esportiva...) a todas as pessoas, de todas as idades, sem nenhum tipo de distinção.
Daí a necessidade de se criarem políticas publicas que incentivem melhor qualidade de vida da população, levando-a a prática de esportes e acesso a diferentes locais e formas de lazer.


2 REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
2.1 CONCEITUANDO O LAZER
A princípio, parece ser muitosimples explicar o lazer, como atividade que causa prazer. Porem, muitos estudiosos versam sobre o tema. Entre eles, Filho (s.a) 2005, diz que “os gregos denominavam ócio o tempo livre, atribuindo-lhe maior valor e a vida de trabalho ...” para o povo grego o ócio era condição essencial a qualidade de vida, pois podia ser traduzido como momentos de repouso e paz.
Por muito tempo, o tempo livredo trabalho para as pessoas recebeu vários significados semânticos; uns, positivos, como repouso ,sossego, folga e outros. Por outro lado, foi também considerado a ociosidade como um gasto de tempo inútil.
Nesse devir de significados, a origem latina define a palavra lazer, como algo lícito, permitido.
No Brasil vários estudos discorrem sobre o tema e, uma contribuição para...
tracking img