Apostila de cabelereiro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 48 (11892 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
APOSTILA COMPLETA DE CABELEIREIRO
Índice

Anatomia do Pelo................................................................. O Cabelo e Patologias do Couro Cabeludo ...................... Noções Básica de Primeiros Socorros................................ Ética e Relações Profissionais.............................................Biossegurança..................................................................... 23 33 43 49

Noções de Física aplicado a cosméticos ........................... Introdução a Cosmetologia – Matérias Primas.................... Cosmetologia - Cosméticos específicos para o Cabelo....

76 80 87

1

Anatomia do Pelo
Estrutura filiforme, elástica e consistente, composta de uma haste e da raiz, com a sua porção inferior mais dilatada formando o folículopiloso. Um pêlo é formado de três camadas concêntricas: medula (a parte mais central, formada de duas ou três fileiras de células poliédricas), o córtex (porção principal mais consistente do pêlo, composta de várias camadas de células de células compactas, contendo pigmento que dá cor a essa estrutura), e a cutícula ou epidermícula (camada mais interna, com uma só fileira de células finas nãonucleadas). O folículo piloso é a estrutura que circunda a raiz do pêlo e consiste de uma bainha epitelial interna e uma de tecido conjuntivo externo; ocupa geralmente uma posição oblíqua na pele. Ligado ao folículo piloso, também obliquamente, está o músculo eretor do pêlo, um feixe de fibras musculares lisas que se origina na porção superficial da derme; sua contração faz o folículo piloso assumir umaposição mais vertical (os impulsos nervosos vêm pelo sistema nervoso vegetativo). A papila dérmica, que se projeta para dentro do bulbo piloso, contém capilares através dos quais se dá a nutrição do pêlo. Os pêlos de cada parte do corpo têm períodos definidos de crescimento, os quais são expelidos ou substituídos. Hormônios, especialmente os sexuais, influenciam o crescimento do pêlo nas regiõesaxilar e pubiana de ambos os sexos, e na face e tronco do homem. Tricoses São alterações não parasitárias, congênitas ou adquiridas, circunscritas, difusas ou generalizadas, da forma, cor e número dos pêlos e cabelos> Hipotricose é a diminuição de pêlos. A hipertricose consiste no aumento do número, espessura e cor dos pêlos. Alopecia é a redução do número de cabelos e pêlos, podendo sercircunscrita, regional, difusa ou generalizada. A canicie é o embranquecimento difuso dos cabelos e pêlos, podendo ser precoce ou senil. Poliose é o termo dado às áreas ou faixas circunscritas de cabelos brancos, de origem congênita ou hereditária. No albinismo os cabelos apresentam-se inteiramente desprovidos de pigmento, sendo finos e de cor clara. Estrutura morfológica
2

Os pêlos nascem edesenvolvem-se nos folículos pilosos durante o primeiro trimestre de vida intra-uterina. Por volta do quinto e sexto mês, o feto já tem os folículos maduros (formados), não havendo mais formação de novos. Assim, a quantidade de cabelos que uma pessoa terá durante toda a vida é determinada antes do nascimento. Após o nascimento, não há formação de novos folículos pilosos. Em função da influência do hormôniosexual masculino (androgênio) na fase da puberdade, pêlos mais grosseiros formam-se nas regiões axilar e pubiana e, nos homens, também no rosto (barba) e em outras partes do corpo. Os pêlos variam em comprimento, espessura e cor nas diferentes partes do corpo e conforme as raças. Tipos de pêlos: Longos: Cobrem o corpo do bebê ainda no útero. Caem quando a gravidez atinge 32/36 semanas. Velos:Pequenos, finos, macios, de crescimento limitado (menores que 1 cm) e se localizam nas regiões limpas da pele. Pêlos cerdosos: Pêlos mais ou menos ásperos, localizam-se em regiões específicas como condutores auditivos, vestíbulos do nariz, sobrancelhas e órgãos genitais. Pêlos compridos: (terminais) Pêlos com capacidade de crescimento, encontram-se numa só região do nosso corpo: no couro cabeludo...
tracking img