Anatomoia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4600 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

Curso de Educação Física
Professora: Glaucia Kaneko
Aluna: GlendaCecim C. Gomes
Turma: EFS1MA

Belém
2011

PATOLOGIA DO OSSO

Os ossos dão suporte mecânico aos músculos (permitindo o movimento dos membros), protegem órgãos internos (tórax, crâneo, coluna vertebral), fornecem a base tecidular para a hematopoiese e constituem reserva de cálcio e sais de fosfato. As patologiasmais importantes que afectam os ossos incluem: 1) doenças metabólicas que afectam o crescimento, formação e remoção óssea, fracturas, deformidades, infecções bacterianas e tumores

As doenças metabólicas ósseas incluem condições relativamente comuns que resultam do desequilíbrio entre a actividade osteoblástica (formação óssea) e a actividade osteoclástica (reabsorção óssea):
a)Osteoporose – alteração metabólica óssea mais comum, secundária a doenças que levam a diminuição da actividade osteoblástica e aumento da actividade osteoclástica, com diminuição progressiva da massa total e da densidade óssea.
b) Raquitismo e osteomalácia – manifestações de défice de vitamina D caracterizadas por mineralização óssea inadequada.
c) Hiperparatireoidismo – resultado do aumento dasecreção autónoma de paratormona (hiperparatireoidismo primário) ou de doença renal (hiperparatireoidismo secundário), caracterizado por aumento da reabsorção óssea.
d) Doença de Paget óssea – manifestação de excessiva reabsorção óssea seguida de formação óssea desorganizada.

2. As fracturas ósseas podem ocorrer espontaneamente, ou após pequeno traumatismo, em ossos com lesão subjacenteprévia.

3. As deformidades ósseas podem resultar de doenças hereditárias com alteração da maturação da cartilagem metafisária (ex: acondroplasia), desenvolvimento anormal do colagénio tipo I (ex: osteogénese imperfeita) ou actividade osteoclástica deficiente (ex: osteopetrose).

4. A infecção óssea designa-se por osteomielite e envolve frequentemente o córtex, medula e periósseo. Os agentesetiológicos mais comuns são bactérias piogénicas que podem atingir os ossos por disseminação hematogénea (ex: Stafilococus aureus), extensão directa de infecção adjacente (ex: Echerichia coli) e contaminação de fracturas ósseas compostas/procedimentos cirúrgicos ortopédicos (ex: anaeróbios), causando inflamação supurativa (osteomielite aguda) e podendo desenvolver sequelas crónicas com sequestrosósseos com envólucro ósseo reactivo (osteomielite crónica).

5. Os tumores ósseos primários são menos frequentes (constituem menos de 1% das causas de morte por cancro) que as metástases ósseas de tumores com origem (por ordem decrescente de frequência) na próstata, mama, pulmão, rim, tracto gastrointestinal e tireóide. O diagnóstico de uma neoplasia óssea deverá incluir, para além de elementosclínico-laboratoriais, caracterização imagiológica adequada. Os tumores ósseos benignos mais comuns são o osteocondroma e o condroma/encondroma. O tumor de células gigantes e o osteoblastoma são tumores ósseos localmente agressivos. O osteossarcoma é o cancro ósseo mais frequente, apresentando-se com metástases hematogéneas nos pulmões em cerca de 20% dos casos. O condrossarcoma e o sarcoma de Ewingsão outras neoplasias malignas ósseas frequentes.

Aspectos morfológicos da patologia do osso

Osteomielite
- Osteomielite tuberculosa em doente com tuberculose pulmonar activa.
Note a presença de granulomas epitelióides necrosantes com células de tipo Langhans nos espaços medulares inter-trabeculares.

Doença de Paget
- Doença de Paget em homem de 49 anos. Note a presença de tecidoricamente vascularizado nos espaços medulares inter-trabeculares; as trabéculas ósseas estão rodeadas por numerosas células gigantes multinucleadas (osteoclastos) e por células mononucleadas (osteoblastos) - características da fase inicial da doença.

Tumores ósseos

Osteossarcoma
- Osteossarcoma da metáfise distal do fémur em homem de 15 anos. Note a presença de proliferação de células...
tracking img