Anatomia sistemica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5636 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE ESTÁCIO DE SÁ
DE GOIÁS







SISTEMA NERVOSO




GOIÂNIA – 2012
Acadêmicos

Alessandra Moreira
Verônica Borba



















Trabalho apresentado a Professora: Karollyne Hellen
da disciplina, anatomia sistêmica da turma 1° período,
turno matutino, do curso de Educação Física


Introdução

O sistema nervoso é responsável pelo ajustamentodo organismo ao ambiente. Sua função é perceber e identificar as condições ambientais externas, bem como as condições reinantes dentro do próprio corpo e elaborar respostas que adaptem a essas condições .
A unidade básica do sistema nervoso é a célula nervosa, denominada neurônio, que é uma célula extremamente estimulável; é capaz de perceber as mínimas variações que ocorrem em torno de si,reagindo com uma alteração elétrica que percorre sua membrana. Essa alteração elétrica é o impulso nervoso. As células nervosas estabelecem conexões entre si de tal maneira que um neurônio pode transmitir a outros os estímulos recebidos do ambiente, gerando uma reação em cadeia.






















Sistema Nervoso

Porção do sistema nervoso contida dentro do crânio e quecompreende o cérebro, cerebelo, a protuberância e o bulbo raquidiano.

Nosso sistema nervoso central divide-se em duas partes:
Encéfalo - situado no crânio e formado pelos seguintes órgãos: cérebro, cerebelo, ponte ou protuberância e bulbo

Medula espinhal tebral - localizada no canal vertebral.

O encéfalo e a medula formam o sistema nervoso central



O encéfalo se aloja no interior docrânio, e a medula espinal no interior de um canal existente na coluna vertebral. O encéfalo e a medula são formados por células da glia, por corpos celulares de neurônios e por feixes de dentritos e axônios.
Sistema nervoso central - substância branca e cinzenta
A camada mais externa do encéfalo tem cor cinzenta e é formada principalmente por corpos celulares de neurônios. Já a regiãoencefálica mais interna tem cor branca e é constituída principalmente por fibras nervosas (dentritos e axônios). A cor branca se deve a bainha de mielina que reveste as fibras.
Na medula espinal, a disposição das substâncias cinzenta e branca se inverte em relação ao encéfalo; a camada cinzenta é interna e a branca, externa.


Meninges
Tanto o encéfalo como a medula espinal são protegidos por trêscamadas de tecido conjuntivo (as meninges). A meninge externa, mais espessa, é a dura-máter; a meninge mediana é a aracnóide; e a mais interna é a pia-máter, firmemente aderido ao encéfalo e a medula. A pia-máter contém vasos sanguíneos responsáveis pela nutrição e oxigenação das células do sistema nervoso central.
Entre a aracnóide e a pia-máter, há um espaço preenchido pelo líquido cerebrospinal oulíquido cefalorraquidiano, que também circula nas cavidades internas do encéfalo e da medula, esse líquido tem a função de amortecer os choques mecânicos do sistema nervoso central contra os ossos do crânio e da coluna vertebral.




Partes do encéfalo

Suas partes fundamentais são:

• Lobo olfativo
• Cérebro
• Tálamo
• Lobo óptico
• Cerebelo
• Bulbo raquidiano (ou medula oblonga).Tem sua origem na base do crânio e continua na medula. É um órgão elaborador de atos reflexos e, como tal, rege a atividade de funções tão importantes para a vida como a respiratória e a do coração.



Localizado abaixo da ponte, controla importantes funções do nosso organismo, entre elas: a respiração, o ritmo dos batimentos cardíacos e certos atos reflexos (como a deglutição, ovômito, a tosse e o piscar dos olhos.

Tronco Cerebral
O tronco cerebral é constituído por três partes: os pedúnculos cerebrais, a ponte de Varólio, o bulbo ou medula alongada.
O bulbo ou medula alongada continua na medula espinhal depois que esta penetra no crânio. Tem a forma de um tronco de pirâmide. Mede 3 cm de largura e pesa cerca de 7 gramas.
A ponte de Varólio, também chamada...
tracking img