Analise institucional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1809 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNITINS

Estágio Supervisionado

Alunas: Alciléia Melo da Silva
Luciana Pereira Diniz

ANÁLISE INSTITUCIONAL

Centro de Referência de Assistência Social (CRAS I)
2012

Análise Institucional
* Dados de Identificação:
1.1 Nome da Instituição
* Centro de Referência de Assistência Social (CRAS I) Secretaria de Ação e Desenvolvimento Social
1.2 Endereço Rua Princesa Isabel, 28.
Bairro –Cruzeiro – Gravatá – PE crasgov.@yahoo,com.br
Fone (81) 3533.0907 CEP 55640-000
1.3 Áreas de Atuação
* Seguridade Social
1.4 Áreas de Abrangência
A nível municipal que corresponde a três bairros:
* Bairro do Cruzeiro
* Bairro Riacho do Mel
* Bairro Maria Auxiliadora

1.5 Projetos e Programas Envolvidos:
* Projeto Viva Mais (Vivendo Melhor a Pessoa Idosa).
*Projeto Prefeitura Amiga da Criança.
* Projeto Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (PETI).
* Programa de Atenção à Mulher Gestante.
* Programas Sociais destinados aos jovens (PROJOVEM)
* Programa Bolsa Família
* Beneficio de Prestação Continuada
* Cursos, Oficinas, palestras e vídeos.

Projeto Viva Mais (Vivendo Melhor a Pessoa Idosa)

Objetivo – Prevenir agravos que possamdesencadear rompimento de vínculos familiares e sociais.

* Prevenir confinamento do idoso, identificado situações de dependências.
* Proporcionar ao idoso qualidade de vida, oferecendo também pleno conhecimento de seus direitos.
* Oferece possibilidades de desenvolvimento de habilidades e potencialidades e defesa de direitos, o estimulo e a participação cidadão.
* Incluir usuários efamiliares no sistema de proteção social e serviços públicos, conforme necessidades, inclusive de acesso a benefícios e programas.

Projeto Prefeitura Amiga da Criança
Este foi um projeto elaborado pela Secretaria de Ação Social de Gravatá, toda a equipe técnica tinha como objetivo principal proporcionar às crianças, momentos de alegria lazer e diversão. Às crianças principalmente as docruzeiro viviam a mendigar esmolas dos turistas que visitavam a cidade. Com este o privilégio de fortalecer o convívio com outras crianças. Elas brincam de roda, há competições danças e outras atividades como oficinas de artes e outras.

Projeto Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)
Objetivo: Complementar as ações de proteção e desenvolvimento das crianças fortalecendo os vínculosfamiliares e sociais.
* Assegurar espaço de convívio familiar e comunitário e o desenvolvimento de relações de afetividade e sociabilidade.
* Realizar oficinas de teatro, jogos interativos com a participação entre os responsáveis e crianças para fortalecer os vínculos familiares.
* Criar metas para que as crianças adentrem ao mundo do trabalho.

Programa de Atenção à Mulher Gestante
Garanteatenção especial a mulher gestante para que ela tenha uma gravidez segura e preventiva, através de sua participação no programa, proporcionando informações, atividades e ações nas áreas de: saúde, educação, assistência social e psicológica.
Tem como metas:
* Sensibilizar a gestante sobre a importância do planejamento familiar.
* Acompanhar o pré – natal da mulher gestante.
* Fortalecimento dovínculo mãe e filho ainda no ventre materno.
* Levar informações sobre a importância do aleitamento materno.
* Sensibilizar a participação do pai durante e depois da gravidez.

Programas Sociais destinadas aos Jovens (PROJOVEM)
Objetivo – Complementar as ações das famílias e comunidades, na proteção e desenvolvimento de crianças e adolescentes e no fortalecimento dos vínculos familiares.METAS: Estimular os jovens a participarem das atividades destinadas a eles no PROJOVEM para o fortalecimento do seu convívio na esfera social.
ATIVIDADES DO PROJOVEM:
* Oficinas socioeducativas com temáticas sobre cultura, cidadania, artes e lazer.
* Exposição dos trabalhos elaborados nas oficinas socioeducativas nos espaços públicos na comunidade.
* Palestras educativas para os jovens...
tracking img