Analise experimental do comportamento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2167 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE CATHEDRAL
CURSO DE PSICOLOGIA

LUCIANA SANTOS ALVES
VANESSA SOUSA MELO

ANÁLISE EXPERIMENTAL DO COMPORTAMENTO


Boa Vista
2012

LUCIANA SANTOS ALVES
VANESSA SOUSA MELO





RELATÓRIO DE ANÁLISE EXPERIMENTAL DO COMPORTAMENTO




Relatório realizado pelas acadêmicas Luciana Santos e Vanessa Melo, tendo como o objetivo a obtenção da nota para o 3°semestre na disciplina de Psicologia Experimental II.

Prof.ª Mariana da Silva de Sousa Cruz.






Boa Vista
2012

RESUMO

A disciplina de Psicologia experimental II foi realizada no laboratório da Faculdade Cathedral usando como sujeito experimental uma espécie de Rattus Norvegicus, da linhagem Wistar (rato albino), no qual se realizou o processo de condicionamento, aprendizageme comportamento, com o objetivo de observar o comportamento do sujeito experimental e analisar suas respostas frente aos exercícios que foram aplicados. Eram esperados os estímulos e resposta, baseados em teorias como a do condicionamento operante, desenvolvida pelo psicólogo B. F. Skinner, que estabelece que todo comportamento é influenciado por seus resultados, quando apresentado um estimuloreforçador que seria o ganho (recompensa), ou também a de forma negativa (punição). O laboratório era climatizado, em temperatura estável a iluminação e ruídos também são controlados. Antes dos experimentos, é privado de água por período de 48 horas, e só é manipulado quando da limpeza do viveiro ou quando da realização dos exercícios. São quatro os exercícios que deveriam ter sido realizados: níveloperante, treino ao bebedouro, modelagem de pressão a barra, instalação de pressionar a barra em esquema de reforçamento continuo (CRF) e mais a extinção, assim definindo o trabalho entre sujeito e experimentador.

Palavras-chave: Observação, análise, rato.

OBJETIVO

Comprovar a teoria do condicionamento operante, através de observação e experimentação laboratorial tendo como sujeitoexperimental, um rato albino que fica privado por 48 horas de água que é o elemento reforçador.

JUSTIFICATIVA

Os comportamentos dos sujeitos estão diretamente relacionados ao ambiente e estímulos a que é submetido ao longo da vida. Para a psicologia, é importante compreender como essa relação funciona para justiçar e explicar as alterações comportamentais do sujeito.
Assim, a matéria psicologiaexperimental, através de estudos dos teóricos Watson, Pavlov e Skinner, e as teorias do condicionamento, comprovar a importância de identificar variáveis antecedentes e conseqüentes das respostas do comportamento através do sujeito de linhagem Wistar (rato albino), quando influenciado pelas variáveis do meio, através das observações feitas nos exercícios no ambiente experimental.

MÉTODOSUJEITO

Foi utilizado na pesquisa o sujeito de n° 1 (um), da raça Rattus Norvegicus, de linhagem Wistar – do sexo feminino, com aproximadamente três (03) meses de vida que foi criado no biotério do laboratório de Psicologia Experimental, em uma caixa com água e ração. Só era privado de água por 48 horas antes de iniciar qualquer sessão experimental, mas o alimento estava sempre disponível nagaiola viveiro.



EQUIPAMENTO E MATERIAL

O equipamento foi uma Caixa de Skinner ou Caixa de Condicionamento Operante, fabricados pela FUNBEC. Tem modelo ELT – 02, a aversão mais atualizada do fabricante este equipamento é composto por duas unidades operacionais separadas gaiolas e controle. A estrutura da gaiola é de alumínio anodizadocinza fosco, medindo 24 cm de altura, 26 cm de comprimento e 21 cm de largura. O piso possui grades paralelas, em aço inoxidável, fixadas nas extremidades com rebites em acrílico, com uma distância de 1,5 cm entre grades. Na parede lateral direita existe um bebedouro na altura do piso, com aproximadamente 0,7 cm de diâmetro;
Cerca de 8 cm acima do bebedouro localiza-se uma barra que possui 8 cm...
tracking img