Alelopatia um breve resumo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1011 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Alelopatia

CONCEITO:
Alelopatia que deriva das palavras gregas alleton (mútuo) e pathos (prejuízo), é a produção de compostos pela planta que quando liberados no meio ambiente causam um impacto inibidor ou estimulador nos outros organismos.

Desde a antiguidade perduram informações sobre a alelopatia
Já no século III a.C., Teofrasto, que além de filosofo da Grécia antiga é o autor de umtratado sobre botânica, faz recomendações de que não se cultive a couve junto da videira, pois os "odores" da primeira prejudicam o desenvolvimento da segunda.
Um pouco mais tarde, já no século I a.C., o poeta romano Virgílio faz referência ao efeito da queima que o linho e a papoula dormideira provocam nas culturas instaladas em seguida no mesmo terreno.

Desde a antiguidade perduram informaçõessobre a alelopatia
O conceito de "antipatia" entre as plantas é mencionado em vários escritos da Renascença. Os autores da época afirmam, por exemplo, que o carvalho prejudica as culturas feitas sob suas copas ou nas proximidades, que o pepino cresce mal junto da oliveira e que a cana e a samambaia não gostam uma da outra.
Exemplo:
O girassol é "antipático" à soja por exalar pelas raízescompostos fenólicos inibidores do crescimento da soja. A "doença da terra" que ocorre nas monoculturas decorre, entre outras causas, do acúmulo no solo de substâncias alelopáticas.

Classificação do efeito alelopático
De acordo com Miller (1996) o efeito alelopático pode ser classificado em dois tipos:
* Autotoxicidade: É um mecanismo intraespecífico de alelopatia que ocorre quando uma espéciede planta libera determinada substância química que inibe ou retarda a germinação e o crescimento de plantas da própria espécie.
* Heterotoxicidade: Ocorre quando uma substância com efeito fitotóxico é liberada por determinada planta afetando a germinação e o crescimento de plantas de outra espécie.

Alelopatia e Competição
O fenômeno da alelopatia é o inverso da competição, poisenquanto a primeira implica na introdução de substâncias químicas no ambiente, a segunda refere-se na remoção do ambiente de fatores de crescimento como luz, água, gás carbônico e nutrientes (Rice, 1984). Entretanto, algumas vezes, estes dois fenômenos ocorrem simultaneamente, caracterizando-se a interferência (Seigler,1996).

Fatores que afetam a intensidade dos efeitos alelopáticos

Sobre oesquema: Muitos pesquisadores admitem que as plantas que sofrem estresse por fatores abióticos como temperatura, radiação, nutrientes e água e, ou, bióticos como doenças e pregas, durante o crescimento, aumentam a produção de metabólitos secundários (Gershenzon, 1984; Timmermann et AL., 1984; Einhelling, 1996; Inderjit, 1996). Estas mudanças metabólicas são importantes mecanismos de defesa da planta,induzindo a maior produção de aleloquímicos.

Aleloquímicos
Nos estudos de alelopatia em plantas, um dos principais questionamentos é se os aleloquímicos envolvidos são produtos do metabolismo celular ou se são sintetizados pela planta com função específica. Alguns autores defendem a primeira hipótese, com base no fato de que estas substâncias se encontram, em maior quantidade, nos vacúolos dascélulas das plantas,onde seriam depositadas afim de evitar a sua própria autotoxidade (Muller, 1996; Whittaker, 1970). Entretanto, esta teoria é contestada por Swain (1977), segundo o qual os aleloquímicos são produzidos nas células com finalidade específica e sua síntese obedece as leis da genética. Neste caso, manipulação genética de plantas com potencialidades alelopáticas poderia serrealizada, da mesma forma como tem sido feita para produtos secundários envolvidos na proteção de plantas contra insetos e fungos.

A liberação dos produtos alelopáticos das plantas podem ocorrer das seguintes formas:
* Através da água em contato com folhas verdes.( a substancia é levada pela água da folha para outras plantas e para o solo)
* Lixiviados das folhas secas. ( Uma variedade de...
tracking img