Administracao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1913 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
COLÉGIO ESTADUAL LEÔNCIO CORREIA ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO E PROFISSIONAL


Bianca Lussolli, nº 5;
Jessik Rayza Thomaz, nº 17;
Jheniffer Antunes, nº 18;
Juciele de Lima, nº 19;
Shandley Willian, nº 37





Fontes de Investimentos





Curitiba, (PR)
2012

Bianca Lussolli, nº 5;
Jessik Rayza Thomaz, nº 17;
JhenifferAntunes, nº 18;
Juciele de Lima, nº 19;
Shandley Willian, nº 37




Fontes de Investimentos
Trabalho apresentado como parte da avaliação da disciplina de Administração Financeira no 1º semestre do Curso Técnico Subseqüente de Administração A1A do Colégio Estadual Leôncio Correia sob orientação do Prof. Edval Romão Correia.

Curitiba, (PR)
2012

SUMÁRIO

* Introdução................................................................................................pag 1
* Financiamento de curto prazo................................................. pag 2e3
* Financiamento a médio e longo prazo.....................................pag 4
* Como determinar a estrutura de capitais da empresa............pag 5
* Como usar o efeito dealavancagem........................................pag 6e7
* Conclusão...................................................................................................pag 8
* Bibliografia................................................................................................pag 9
* Anexos.........................................................................................................pag 10Introdução
Uma empresa tem duas formas de financiar a sua atividade: recorrendo a capitais próprios ou a capitais de terceiros. Tipicamente, os capitais próprios são aqueles que não têm qualquer contrapartida fixa de remuneração, ou seja: trata-se de capital que pode ou não ser remunerado de acordo com a rentabilidade gerada pela empresa.
Os capitais de terceiros, por seu lado, são aqueles quetêm em contra partida uma remuneração mínima fixada (que pode ser uma taxa fixa ou variável, de acordo com uma taxa de referência de mercado) e que em regra possuem um esquema de reembolso previamente definido.
Normalmente, quando se pensa em iniciar um projeto empresarial fazem-se contas aos capitais próprios disponíveis para o investimento inicial. No entanto, é necessário ter em conta que orecurso a capitais alheios permite a "alavancagem" dos capitais próprios, isto é, aumenta o seu risco e também o seu retorno potencial.
Em seguida, são evidenciadas as formas mais comuns de capitais próprios e de terceiros utilizados no financiamento das empresas.

1
Financiamento de curto prazo
Existem diversas fontes alternativas de financiamento de curto prazo, isto é, financiamentoscom um prazo de exigibilidade até um ano. Os mais relevantes são:
Capitais alheios
• Crédito bancário: Operação pela qual uma instituição bancária coloca à disposição de um cliente determinado montante e este se compromete a reembolsar a instituição na data fixada antecipadamente, acrescido dos juros previamente combinados.
O crédito bancário poderá tomar a forma de crédito direto, caso emque a instituição bancária coloca fundos à disposição de empresas e particulares (exemplos: desconto de títulos , capital de giro, contas garantidas, cheques especiais, abertura de crédito através de conta corrente ou de empréstimo). Quanto ao crédito bancário indireto, a instituição bancária desembolsa fundos caso o beneficiário do crédito não assuma os compromissos (exemplos: garantiasbancárias, avais ou aceites bancários).
• Empréstimos de curto prazo: O objetivo é financiar operações de curto prazo (a 90, 120 ou 180 dias), por exemplo, para resolver dificuldades de liquidez momentâneas. Como contrapartida, as empresas no fim do prazo convencionado com a instituição bancária terão de restituir o valor do empréstimo acompanhado de juros postecipados.
• Empréstimos em conta...
tracking img