Aborto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1145 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aborto

Definição:
Aborto é a remoção ou expulsão prematura de um embrião ou feto do útero, junto com anexos ovulares, resultando na sua morte ou sendo por esta causada. O feto expulso com menos de 0,5 kg ou 20 semanas de gestação é considerado abortado.

Tipos:
1.Interrupção eugênica da gestação: são casos de abortos ocorridos em nome de práticas eugênicas, isto é, situações em que seinterrompe a gestação por valores recistas,sexistas, éticos, etc. Comumente sugere-se pela medicina nazista como exemplo de IEG quando mulheres foram obrigadas a abortar por serem judias, ciganas ou negras. Regra geral, a IEG processa-se contra a vontade da gestante, sendo esta obrigada a abortar;
2. Interrupção terapêutica da gestação: são os casos de abortos ocorridos em nome da saúde materna,isto é, situações em que se interrompe a gestação para salvar a vida da gestante. Atualmente, graças ao avanço cinetífico e tecnológico ocorrido na medicina, os casos de ITG são cada vez em menor número, sendo raras as situações terapêuticas que exigem tal procedimento;
3. Interrupção seletiva da gestação: são os casos de abortos ocorridos em nome de anomalias fetais, isto é, situações em que seinterrompe a gestação pela constatação de lesões fetais. Em geral, os casos que justificam estas solicitações são de patologias incompatíveis com a vida extrauterina, sendo o exemplo clássico o de anencefalia.
4. Interrupção voluntaria da gestação: são os casos de aborto ocorridos em nome da autonomia reprodutiva da gestação ou do casal, isto é situações em que se interrompe a gestação porque amulher ou o casal, isto é, situações em que se interrompe a gestação porque a mulher ou o casal não mais deseja a gravidez, seja ela fruto de uma relação consensual.





Causas:
Causas genéticas: Alterações na estrutura ou no número dos cromossomos podem ser causadas ao acaso ou induzidas por uma alteração de cromossomos dos pais, que devem fazer um exame chamado cariótipo e é uma dascausas mais complicada de abortamento. Aquelas que ocorrem ao acaso não são repetitivas e estão dentro do percentual de 10% de todas as gestações. Aquelas herdadas dos pais é que se enquadram na repetitividade. Todo abortamento, mesmo que seja o primeiro, deverá ter o material eliminado analisado. O habitual é realizar o exame histopatológico, isto é, o estudo microscópico do material curetado,juntamente com um exame genético, que poderá demonstrar a causa mais comum de perda gestacional. Dependendo da alteração, os pais deverão ser estudados. Se este resultado é anormal, um aconselhamento genético deve ser feito, para que o especialista em Reprodução Humana possa calcular a incidência do problema em futuras gestações. Se o casal tem translocação balanceada, o risco de transmiti-la de formanão balanceada para o feto é de 25%. Como não há tratamento que consiga modificar a genética, a única saída é a fertilização assistida com a doação de óvulos ou de espermatozoides.

Causas uterinas: Existem malformações da cavidade uterina que são incompatíveis com a evolução de uma gravidez. Patologias como os miomas, pólipos e processos inflamatórios também podem agir desta forma. O examepara avaliação da cavidade do útero é a histeroscopia, onde é possível ter a visão direta da cavidade uterina. Em geral, os abortos mais tardios estão relacionados com malformações, como o útero didelfo (dois úteros formados por dois cornos uterinos e dois colos), o útero bicorno (dois corpos uterinos em um só colo), o útero septado (com um fenda na cavidade uterina) e incompetência cervical.Causas imunológicas: O feto formado será um ser com constituição imunológica diferente do pai e da mãe. Quando uma gravidez se instala, o feto passa a fazer parte do organismo da mãe, como um órgão transplantado. Habitualmente, quando o sistema imunológico entra em contato com um corpo estranho, desenvolve anticorpos específicos. Mas, durante a gravidez, o sistema imune tolera esta situação. E um...
tracking img