1Jewhteugu

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 358 (89263 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Night Huntress, 06.

One Grave At A Time
(Uma Sepultura de Vez)

Jeaniene Frost
Como você envia um assassino para a sepultura quando ele já está morto?
Tendo evitado por pouco uma guerra do (sub)mundo, Cat Crawfield não quer nada mais do que um pouco de sossego com seu marido vampiro, Bones. Infelizmente, seu dom vindo da rainha do vodu de Nova Orleans simplesmente se mantém conduzindo adádiva a um favor pessoal que os envia para a batalha mais uma vez, dessa vez contra um espírito perverso. Séculos atrás, Heinrich Krames era um caçador de bruxas. Agora, todo Halloween, ele assume forma física para torturar mulheres inocentes antes de queimá-las vivas. Esse ano, porém, os determinados Cat e Bones devem arriscar tudo para enviá-lo de volta para o outro lado da eternidade––parasempre. Mas um passo em falso e eles estarão cavando suas próprias sepulturas.

Créditos:

Equipe Night Huntress de Tradução.
Night Huntress [Oficial]

Prologo.
Cemitério Lasting Peace Garland, Texas ―Donald Bartholomew Williams, traga seu traseiro de volta aqui agora!‖ Meu timbre de voz ainda ressoava no ar quando um movimento chamou minha atenção para a direita. Bem atrás de uma lápide noformato de um pequeno anjo chorando estava meu tio. Don olhou para mim como se repuxasse a sobrancelha de uma forma que expressava seu desconforto de forma mais eloquente do que mil palavras. De terno e gravata, cabelo grisalho penteado para trás em seu estilo impecável como de costume, Don pareceria um empresário comum de meia idade para qualquer um que o observasse, exceto por uma coisa. Vocêtinha que ser imortal ou psíquico para vê-lo. Don Williams, ex chefe de um ramo secreto da Segurança Interna que protegia o público contra criaturas sobrenaturais que perigosas, tinha morrido há dez dias atrás. Porém lá estava ele. Um fantasma. Chorei ao lado de sua cama quando aquele ataque cardíaco fatal o atingiu, vi sua cremação em seguida, estive como um zumbi em seu velório e até mesmo leveisuas cinzas para minha casa para que eu pudesse mantê-lo perto de mim. Pouco eu sabia o quão perto Don esteve realmente, considerando todas aquelas vezes em que pensei tê-lo visto de canto de olho. Considerei aqueles breves vislumbres do meu tio como nada mais do que miragens induzidas pela tristeza até cinco minutos atrás, quando percebi que meu marido, Bones, podia vê-lo também. Emboraestivéssemos no meio de um cemitério que ainda tinha corpos espalhados de uma batalha recente e eu tinha balas de prata queimando dentro de mim como pequenas fogueiras agonizantes, tudo que eu podia focar era que Don não queria que eu soubesse que ele ainda estava do lado de cima do túmulo. Meu tio não parecia nada contente por eu ter descoberto seu segredo. Parte de mim queria jogar os braços ao redor deleenquanto outra parte queria chacoalha-lo até que seus dentes batessem. Ele devia ter me contado, não ficado a espreita de fundo tocando uma versão fantasmagórica de ―pick-aboo*‖! Claro, apesar da minha dupla compulsão, eu não podia nem chacoalhar e nem abraçar Don agora. Minhas mãos iriam passar direto através de sua mais nova forma diáfana e, da mesma forma, meu tio não podia tocar mais nada – ouninguém – corpóreo. Então tudo que eu podia fazer era olhar para ele, com uma mistura de confusão, alegria e descrença combinadas com alguma irritação devido a sua decepção.

*Brincadeira em que um adulto aparece e se esconde repetidamente para divertir um bebê. ―Você não vai dizer nada?‖ Perguntei, finalmente. Seus olhos cinzas se moveram para alguns metros além de mim. Eu não precisava mevirar para saber que Bones tinha aparecido por trás de mim. Desde que ele me transformou de uma mestiça para uma vampira completa, eu podia sentir o Bones como se nossas auras estivessem sobrenaturalmente entrelaçadas. O que estavam, eu suponho. Eu ainda não sabia tudo sobre o que criava a conexão entre vampiros e seus criadores. Tudo o que eu sabia era que ela existia, e era poderosa. A menos...
tracking img