O nome da rosa

Páginas: 2 (268 palavras) Publicado: 2 de junho de 2013
O nome da Rosa

Este filme ocorreu em 1327 no século 21. Um filme onde um monge foi designado para investigar vários crimes que estavam ocorrendo em ummosteiro, e os mortos eram encontrados com a língua e dedos roxos.
O monge Franciscano, ex- inquisitor chega ao mosteiro para participar de um conclave, mas quediante dessas mortes mudou toda sua atenção e começou a acompanhar os casos junto com seu discípulo noviço. O monge é o representante da ciência que usamétodos sofisticados para reunir provas necessárias e chegar a verdade, buscando pistas que as vezes não são visíveis as pessoas, como por exemplo as frases dopergaminho apagadas com suco de limão. No filme ele representa o intelectual renascentista que com sua postura humanista consegue desvendar as mortes domosteiro. Porém existem aqueles que são os opostos ao Franciscano, pois eles alimentam a idéia de que uma força sobrenatural demoníaca tomou conta do lugar.
Nomosteiro existia uma biblioteca que era conhecida como a fonte do saber e que tinha que ser protegida, o acesso era restrito porque ali tinha um saber quepoderia ameaçar a doutrina cristã. A biblioteca era um labirinto e quem chegava ao final era morto, pois a informação se restringia há alguns que tinha dominação eo poder.
Ao final ele revela que o resultado de sua investigação as mortes estavam relacionadas com um livro desaparecido de Aristóteles, que aborda o risocomo instrumento da verdade, e que teve suas páginas envenenadas por um dos monges que odiava a comédia e via no riso uma possibilidade de duvida sobre Deus.
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • O Nome da Rosa
  • o nome da rosa
  • O nome da rosa
  • O nome da rosa
  • O nome da rosa
  • O nome da rosa
  • nome da rosa
  • nome da rosa

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!