A guerra civil no chade

Páginas: 16 (3894 palavras) Publicado: 2 de dezembro de 2013
A Guerra civil no Chade teve início em dezembro de 2005. O conflito envolveu as forças governamentais e vários grupos rebeldes chadianos - estas incluem a Frente Unida pela Mudança Democrática (FUC), a União das Forças para a Democracia e Desenvolvimento (UFDD), a Reunião de Forças pela Mudança (RFC) e a Concórdia Nacional do Chade (CNT). Ao lado dos rebeldes, está a milícia árabe Janjaweed,abertamente apoiada pelo governo do Sudão. A Líbia tentou intermediar o conflito, assim como diplomatas de outros países. Desde a sua independência da França em 1960, o Chade tem sido atolado pela guerra civil entre os árabes e muçulmanos do norte e cristãos subsaarianos do sul. Como resultado, a liderança e a presidência no Chade são disputadas entre os cristãos sulistas e os muçulmanos nortistas.Quando um dos lados está no poder, o outro lado normalmente inicia uma guerra revolucionária para enfrentá-lo. A França, a antiga potência imperial de ocupação, e a Líbia, vizinha do norte, se envolveram em vários momentos ao longo desses conflitos. Em 2003, o conflito na região de Darfur, no vizinho Sudão, expandiu através da fronteira com o Chade. Os refugiados do Sudão se juntaram aos civis doChade que estavam tentando escapar da violência rebelde e, eventualmente, encheram os campos. Ficou claro que os rebeldes do Chade receberam armas e assistência por parte do governo do Sudão. Ao mesmo tempo, os rebeldes do Sudão conseguiram ajuda do governo do Chade. O Governo do Chade estimava em janeiro de 2006 que 614 cidadãos chadianos tinham sido mortos nas batalhas fronteiriças. Em 8 defevereiro de 2006, foi assinado o "Acordo de Trípoli", que cessou a guerra por aproximadamente dois meses. No entanto, a persistência de combates levou a várias tentativas para um novo acordo. Em 2007, surgiu uma brecha entre as duas principais tribos, a Zaghawa e a Tama. A tribo Zaghawa, a qual pertence o presidente chadiano Idriss Déby, acusa o governo sudanês de colaborar com os membros da triborival Tama. Em fevereiro de 2008, três grupos rebeldes se uniram e lançaram um ataque contra a capital do Chade, N'Djamena. 9 Depois de lançar um ataque que não conseguiu tomar o palácio presidencial, o ataque foi repelido decisivamente. A França enviou tropas para fortalecer o governo. Muitos dos rebeldes eram antigos aliados do presidente Idriss Déby. Acusaram-no de corrupção contra membros de suaprópria tribo. A guerra civil no Chade é uma guerra regional, que tem profundas ligações a conflitos em Darfur e na República Centro-Africana.
Antecedentes
Em 2005, o presidente do Chade Idriss Déby - que havia conquistado o poder em 1990, após lançar uma ofensiva contra o governo central da época, a partir do Darfur e com apoio da Líbia - alterou a Constituição do país para que ele pudesseconcorrer a um terceiro mandato, o que desencadeou a partir deserções em massa exército. As deserções do exército chadiano em larga escala a partir 2004 e 2005 obrigou Deby a desmantelar a seu guarda presidencial e a formar uma nova força militar de elite, o que acabou por enfraquecer a posição do presidente e a incentivar o crescimento dos grupos armados de oposição. Foram formados grupos armados,como a União para a Democracia e a Liberdade em agosto de 2005, e a Plataforma para a Unidade, Democracia e Mudança (SCUD) dois meses mais tarde, que tentaram derrubar o governo de Déby, acusando-o de ser corrupto e totalitário. Ainda naquele ano, a RDL e o SCUD se juntaram a outros seis grupos para formar a Frente Unida para a Democracia e Mudança (FUCD). A situação se agravou com a supostaacumulação de riqueza petrolífera por Déby e seu séquito.
Rusgas na fronteira Chade-Sudão
Desde 2004, militantes da milícia sudanesa Janjaweed envolvidos no conflito de Darfur têm atacado aldeias e vilas no leste do Chade, roubando gado, assassinando cidadãos e queimando suas casas. Mais de 200 mil refugiados da região de Darfur, região noroeste do Sudão, pediram asilo no leste do Chade. Refugiados...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • guerra civil do chade
  • Guerra civil
  • Guerras Civis
  • guerra civil
  • guerra civil
  • Guerra civil
  • Guerra civil
  • Guerra civil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!