A filosofia na vida do jurista

4818 palavras 20 páginas
A FILOSOFIA NA VIDA DO JURISTA
Desde o surgimento da filosofia, ela contribui imensamente para a vida do ser humano.
A filosofia nos instiga a descobrir a cerca das minúncias da vida, mesmo talvez não sendo possível, é poético a maneira na qual os filósofosa

terça-feira, 13 de março de 2012
A IMPORTÂNCIA DA FILOSOFIA DO DIREITO

Moisés da Silva Gomes[1]

1. INTRODUÇÃO

Ao se tencionar examinar o conhecimento jurídico pela via filosófica é indispensável, em primeiro lugar, que esta estrada seja afeita ao pesquisador, ajustando-se aos limites de sua experiência. Sem o prévio conhecimento da Filosofia geral, por seus métodos e funções, é impossível atingir a plena compreensão da Filosofia do Direito, pois, ao passo que aquela é gênero, esta é espécie. A cultura filosófica somente progride no espírito acostumado à reflexão e aberto aos grandes temas que abrangem a natureza e o homem. Se é verdade que a condição de jusfilósofo não é obtida por grau universitário, senão pela constância do pensamento dialético, também é certo que apenas alcança essa condição o jurisconsulto que cultiva, como hábito, a atitude filosófica.
O cabedal de conhecimentos que a Filosofia do Direito propicia procede de três categorias de pensadores: filósofos, juristas e jusfilósofos. Como a Filosofia é uma perspectiva universal da realidade e o Direito se alista no quadro de uma ontologia regional, um sistema filosófico, para ser abarcante, deve-se considerar temas jurídicos basilares, como os problemas da justiça e da lei.
Dessa forma, renomados filósofos, como Platão, Aristóteles, Tomás de Aquino, Kant, Hegel, contribuíram valiosamente à Filosofia do Direito. Por outro lado, os jurisconsultos nem sempre se prendem à perspectiva da Ciência do Direito, transpondo o mero trabalho de interpretação e sistematização do Direito que está em vigor. Ora põem em discussão os postulados da Jurisprudência, ora sujeitam os institutos jurídicos a uma análise em seus

Relacionados

  • direito x educaçao Juridica
    1202 palavras | 5 páginas
  • estudo epistemologico da filosofia do direito
    9048 palavras | 37 páginas
  • NTRODU O
    1145 palavras | 5 páginas
  • o papel da filosofia do direito
    1281 palavras | 6 páginas
  • Tridimensionalismo jurídico concreto
    2891 palavras | 12 páginas
  • importância
    1469 palavras | 6 páginas
  • Filisofia Direito
    3966 palavras | 16 páginas
  • Filosofia do Direito
    347 palavras | 2 páginas
  • Filosofia juridica
    894 palavras | 4 páginas
  • Filosofia do Direito
    831 palavras | 4 páginas