A Escola dos Annales

Páginas: 7 (1571 palavras) Publicado: 2 de junho de 2014

A Escola dos Annales: histórias e revoluções historiográficas

por Jossefrânia Vieira Martins

Sobre a autora[1]

Este texto busca refletir acerca das transformações teórico-metodológicas pelas quais o conhecimento histórico passou com o desenvolvimento e a atuação da Escola dos Annales concebida e liderada primeiramente por Marc Bloch e Lucien Febvre nas primeiras décadas do século XX.Para tanto, mergulhamos na historicidade dos Annales atentando para as várias posturas que modelaram a primeira e a segunda geração. Aproximando a história às ciências sociais, a história nova edificou um novo olhar sobre o conhecimento e sobre o ofício do historiador.
Desde o encontro entre Marc Bloch e Lucien Febvre a historiografia nunca mais foi à mesma (BURKE, 1997), no entanto, as variaçõesde opinião acerca de como e o que mudou com o advento da Escola dos Annales são muitas. O montante de paradigmas, afirmações e direções permearam as três gerações desse movimento. Na verdade a grande contribuição historiográfica dos Annales em sua primeira geração foi à possibilidade de um diálogo entre a história e as ciências sociais, rompendo uma barreira invisível e ao mesmo tempo sólida,legitimada por uma história tradicional, factual, excessivamente preocupada com os acontecimentos advinda do século XIX. (REIS: 2004).
A história nova empreendida por Febvre e Bloch com a Escola dos Annales, começa a tecer suas redes de conhecimento em contraposição a história tradicional enraizada nos grandes homens e fatos, e que dessa forma, marginalizava muitos aspectos das experiências humanas,entretanto para a história nova, toda vivência humana é portadora de uma história. Partindo desta idéia que os Annales construíram o sentido de História total. A primeira geração dos Annales foi o ponto de partida para as novas abordagens da história. Bloch em Les Reis Thaumaturges (Os Reis de Taumaturgos) amplia o campo historiográfico sobre o estudo do mundo rural, fazendo comparações entre aFrança e a Inglaterra, algo novo do ponto de vista tradicional acostumado a escrever sobre temas mais restritos.
Febvre objetivava uma pesquisa interdisciplinar com uma história voltada para a problematização, entretanto em algumas obras propunha uma homogeneidade de pensamento praticamente impossível. Era preciso levar em consideração os vários aspectos e diferenças humanas, seja ele homem,mulher, rico ou pobre. O fato é que as diferenças existem na forma de pensar dos indivíduos, e não levá-las em consideração é negligenciar outros campos relevantes.
Os pensamentos de Marc Bloch e Lucien Febvre se entrecruzaram na criação de uma revista. Assim, os Annales surgiram como nova proposta no meio científico, contrariando a história política tradicional e abrindo espaços para a históriasocial e econômica. Nesse período são muitas as publicações concernentes aos referidos temas. A revista dos Annales condensou os saberes e experiências de Bloch e Fevbre, assim como suas críticas a uma história tradicional, enraizada no modelo positivista. Mas, no que acreditavam os positivistas? Que relação mantinha com o objeto da história? Qual noção tinha do conhecimento histórico? Como destacaJosé Carlos Reis:
 "Acreditavam os ditos positivistas, parece, que isso era possível. Acreditavam que, se adotassem uma atitude de distanciamento de seu objeto, sem manter relações de interdependência, obteria um conhecimento histórico objetivo, um reflexo fiel dos fatos do passado, puro de toda distorção subjetiva. O historiador, para eles, narra fatos realmente acontecidos e tal como eles sepassaram. [2]"
 
Nessas conexões de dizeres e saberes, os positivistas amarram o historiador a teias complexas e interrompem seu processo criador. Em termos historiográficos o cientista positivista colhe provas de suas falas, fechando suas conclusões objetiva e comprovadamente. Contrários a essas idéias, Bloch e Fevbre se assemelhavam, delineando a primeira geração, aos seus modos. Com a morte dos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Escolas dos Annales
  • A escola dos annales
  • Escola De Annales
  • Escola de annales
  • escola dos annales
  • A Escola dos Annales
  • Escola de Annales
  • Escola dos annales

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!