Sou homem

Páginas: 8 (1763 palavras) Publicado: 24 de abril de 2015
Sou homem
Ontem à noite, quando estava revisando o texto de "Beca - A Volta ao Mundo em 80 Necas", dei uma paradinha básica e fui dar uma olhada no meu perfil no Facebook, quando o texto "Sou homem" cai perante os meus olhos.

Comecei a lê-lo e vi o quanto casava bem com a forma de Beca de pensar ao colocar a mulher no mesmo pé que o homem, embora isso ainda seja rejeitado por nossa hipócritasociedade, que nos obriga a fazer tudo por debaixo dos panos e taxa erroneamente a mulher só por conta de comportamento, vestes, atitudes, etc., enquanto o cabra macho tá liberado pra fazer absolutamente de tudo!!!

Culpa deles? Delas? Quem sabe? Mas sabemos que isso tem que mudar! Pois somos iguais, homens, mulheres e nunca deveríamos fazer julgamento severo de um e achar correto que o outro faça omesmo, sem impor regras.

Sou homem

Quando nasci, meu avô parabenizou meu pai por ter tido um filho homem. E agradeceu à minha mãe por ter dado ao meu pai um filho homem. Recebi o nome do meu avô.

Quando eu era criança, eu podia brincar de LEGO, porque "Lego é coisa de menino", e isso fez com que minha criatividade e capacidade de resolver problemas fossem estimuladas.

Ganhei lava-jatos epostos de gasolina montáveis da HotWheels. Também ganhei uma caixa de ferramentas de plástico, para montar e desmontar carrinhos e caminhões. Isso também estimulava minha criatividade e desenvolvia meu raciocínio, o que é bom para toda criança.

Na minha época de escola, as meninas usavam saias e meus amigos levantavam suas saias. Dava uma confusão! E então elas foram proibidas de usar saias. Mas eununca vi nenhum menino sendo realmente punido por fazer isso, afinal de contas "Homem é assim mesmo! Puxou o pai esse danadinho" - era o que eu ouvia.

Em casa, com meus primos, eu gostava de brincar de casinha com uma priminha. Nós tínhamos por volta de 8 anos. Eu era o papai, ela era a mamãe e as bonecas eram nossas filhinhas. Na brincadeira, quando eu carregava a boneca no colo, minha mãe nãodeixava: "Larga a boneca, Juninho, é coisa de menina". E o pai da minha priminha, quando via que estávamos brincando juntos, de casinha, não deixava. Dizia que menino tem que brincar com menino e menina com menina, porque "menino é muito estúpido e, principalmente, pra frente". Eu não me achava estúpido e também não entendia o que ele queria dizer com "pra frente", mas obedecia.

No natal, minhairmã ganhou uma Barbie e eu uma beyblade. Ela chorou um pouco porque o meu brinquedo era muito mais legal que o dela, mas mamãe todo ano repetia a gafe e comprava para ela uma boneca, um fogãozinho, uma geladeira cor-de-rosa, uma batedeira, um ferro de passar.

Quando fiz 15 anos e comecei a namorar, meu pai me comprou algumas camisinhas.

Na adolescência, ninguém me criticava quando eu ficava comvárias meninas.
Atualmente continua assim.

Meu pai não briga comigo quando passo a noite fora. Não fica dizendo que tenho que ser um "rapaz de família". Ele nunca me deu um tapa na cara desconfiado de que passei a noite em um motel.

Ninguém fica me dando sermão dizendo que eu tenho que ser reservado e me fazer de difícil.

Ninguém me julga mal quando quero ficar com uma mulher e tomo a iniciativa.Ninguém fica regulando minhas roupas, dizendo que eu tenho que me cuidar.

Ninguém fica repetindo que eu tenho que me cuidar porque "mulher só pensa em sexo".

Ninguém acha que minhas namoradas só estavam comigo para conseguir sexo.

Ninguém pensa que, ao transar, estou me submetendo à vontade da minha parceira.
Ninguém demoniza meus orgasmos.

Nunca fui julgado por carregar camisinha na mochila ena carteira.

Nunca tive que esconder minhas camisinhas dos meus pais.

Nunca me disseram para me casar virgem por ser homem.

Nunca ficaram repetindo para mim que "Homem tem que se valorizar" ou "se dar ao respeito". Aparentemente, meu sexo já faz com que eu tenha respeito.

Quando saio na rua ninguém me chama de "delícia".

Nenhuma desconhecida enche a boca e me chama de “gostoso” de forma...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Homens. homem?
  • Homem
  • O que é homem?
  • homem
  • homem
  • HOMEM
  • homens
  • O homem: quem é ele?

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!