Quimica farmacêutica

Páginas: 5 (1118 palavras) Publicado: 23 de novembro de 2014
1) Grupos ácidos e bases: grupos que determinam as propriedades físico-químicas como acidez, basicidade, polaridade, lipofilicidade e pKa.
2) Grupos ascilantes: tem uma importante função, pois são capazes de fazer reações de ascilação que permitem a formação de ligações covalentes de alta energia, são representados pelos grupos ésteres, amidas e anidridos
3) 3) Grupos hidroxila: estes grupoapresenta duas características: interfere na polaridade da estrutura e altera a reatividade do fármaco.
4) Obs.: a hidroxila sempre aumenta a polaridade, podendo aumentar ou diminuir a toxicidade.
5) 4) Grupos tióis e dissulfetos: grupos cíclicos e acíclicos presentes principalmente em fármacos quimioterápicos com propriedades de se adicionar as ligações duplas ou realizar reações deoxirredução.
6) Química farmacêutica é a ciência que estuda as propriedades químicas envolvidas na ação terapêutica e tóxica de fármacos, bem como seus mecanismos de ação moleculares e a relação entre a estrutura e atividade. A química farmacêutica, modernamente tem sido chamada de química medicinal, dado a grande interdisciplinaridade e complexidade que a ciência adquiriu.
7) Além disto, ela descobre,planeja, identifica, analisa e modifica substâncias para possuirem melhor desempenho farmacológico.1
8) 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS.
9) A farmacoterapia é uma atividade muito antiga de desde antes da escrita. A grande maioria dos agentes quimioterápicos foram introduzidos na terapêutica clínica entre os anos de 1940 a 1980, sendo que alguns já eram conhecidos no início do século X e outros existenteshá séculos bem anteriores à nossa era.
10) Grandes povos antigos como Maias, Incas, Hindus e Chineses já conheciam preparações antimicrobianas eficazes.
11) O imperador chinês Shen Nung (2735 a.c.) elaborou um livro sobre ervas terapêuticas, onde havia entre as mesmas até ervas com atividade antimalárica. O papiro de Ebers (~1500 a.c.) recomenda a utilização de substâncias dos reinos animal,vegetal e mineral e alguns desses são hoje conhecidos pela sua atividade quimioterápica.
12) No século IV (460-370 a.c.) Hipócrates recomendou o emprego de sais metálicos para algumas doenças, hoje atribuídas a organismos patogênicos. E, em 50 d.c., Dioscórides (grego) prescreveu produtos naturais para o tratamento dessas mesmas moléstias em seu livro De Materia Medica.
13) Galeno, em 131-201d.c., defendeu o emprego de misturas herbáceas para qualquer tipo de moléstia. Os árabes entre os séculos VII e VIII disseminaram sua cultura e prática médica pelos países da Europa, assim como o uso da pomada mercurial. Cabe lembrar que em 1495, Cumano indicou o mercúrio para o alívio dos sintomas da sífilis.
14) Na Idade Média, no período de 1493 a 1541, Paracelso afirmou que o corpo humano eraum grande laboratório químico e que poderia ser tratado pela administração de substâncias químicas (Korolkovas, 1988).
15) Prof. Antonio Távora
16) Química Farmacêutica 2
17) De Paracelso em diante, a quimioterapia européia fez poucos avanços. E o grande novo impulso fora dado por Paul Ehrlich no período de 1854 a 1915 (pai da quimioterapia moderna) (Korolkovas, 1988).
18) No século XVI forampublicadas as primeiras farmacopéias. No século XVII novas drogas de origem animal e vegetal aumentam o arsenal terapêutico, e com o progresso da química, os compostos purificados, passaram a ser preferidos aos extratos brutos.
19) No século XVIII introduziu-se no mercado o(s): digitálicos, éter, ópio, cloreto de mercúrio, entre outros.
20) Entre 1854 e 1915, Paul Ehrlich (pai da quimioterapiamoderna), deu um grande impulso a Química Farmacêutica, uma vez que descobriu sobre a toxicidade seletiva de certos agentes químicos para determinados microorganismos. Sendo na mesma época desenvolvida a teoria de chave-fechadura, por Emil Fischer, que fornecia uma explicação lógica para o modo de ação das drogas. As pesquisas de Paul Ehrlich e de seus colaboradores geraram diversos agentes...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Quimica Farmaceutica
  • química farmacêutica
  • Química farmacêutica
  • Química farmacêutica
  • Quimica farmaceutica
  • QUIMICA FARMACEUTICA
  • Quimica farmaceutica
  • quimica farmacêutica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!