Positivismo

Páginas: 14 (3360 palavras) Publicado: 11 de setembro de 2013
INTRODUÇÃO
O positivismo é uma linha teórica da sociologia, criada pelo francês Auguste Comte (1798-1857), que começou a atribuir fatores humanos nas explicações dos diversos assuntos, contrariando o primado da razão, da teologia e da metafísica. Essa corrente defende a ideia de que o conhecimento científico é a única forma de conhecimento verdadeiro. De acordo com os positivistas somentepode-se afirmar que uma teoria é correta se ela for comprovada através de métodos científicos válidos.
Os positivistas abandonaram a busca pela explicação de fenômenos externos, como a criação do homem, por exemplo, para buscar explicar coisas mais práticas e presentes na vida do homem, como no caso das leis, das relações sociais e da ética.
Auguste Comte.
“Não se conhece completamente uma ciênciaenquanto não se souber da sua história. ” ―Auguste Comte
Isidore Auguste Marie François Xavier Comte nasceu em Montpellier (França) em 19 de janeiro de 1798 e morreu na cidade de Paris em 05 de setembro de 1857.
Comte foi o filosofo francês fundador da Sociologia e do Positivismo. Considerado o primeiro filosofo da ciência. Filho de católicos e monarquistas, Comte divergia da religião e dapolítica dos seus pais, isso fez com que seu relacionamento com a família não fosse dos melhores.
Comte sempre se destacou nos estudos, com dezesseis anos, ingressou na Escola Politécnica de Paris, o período que passara na escola influenciaria muito no seu pensamento. Em 1817 no jovem Conte se torna secretário do conde Henri Saint Simon (1760 - 1825) – um expoente do socialismo utópico – de quem recebeugrande influencia e foi considerado um dos melhores amigos. Em carta de 1818, Comte declara suas relações com Saint-Simon: "Pela cooperação e amizade com um desses homens que veem longe nos domínios da filosofia política, aprendi uma multidão de coisas, que em vão procuraria nos livros; e no meio ano durante o qual estive associado a ele meu espírito fez maiores progressos do que faria em trêsanos, se eu estivesse sozinho; o trabalho desses seis meses desenvolveu minha concepção das ciências políticas e, indireta¬mente, tornou mais sólidas minhas ideias sobre as demais ciências...”.
Apesar de essa relação ter contribuído para o seu desenvolvimento, como acontecia em todas as relações pessoais, Comte rompeu com Saint Simon, devido divergir de algumas opiniões, e por ele se sentirindependente das instruções de seu mestre. A relação entre os dois foram interrompidas em 1824, nesse mesmo ano Comte se casou com Caroline Massin com ficaria casado por 17 anos. Em 1826, Comte sofreu um colapso nervoso quando trabalhava intensamente na criação de uma nova filosofia – houve rumores que a possível causa fora por problemas conjugais – recuperado, mergulho na redação do curso de FilosofiaPositiva, esse trabalho lhe tomou doze anos de pesquisa. Após perder seu emprego de examinador de admissão na Escola Politécnica, por criticar a corporação universitária francesa, Comte recebeu ajuda de admiradores entre eles o filosofo inglês John Stuart Mill (1806-1873). Em 1845, apaixonou-se por Clotilde de Vaux – musa inspiradora na criação de uma nova religião – que morreria no ano seguintede tuberculose.
Entre 1851 e 1854, redigiu o Sistema de política positiva, no qual expôs algumas das principais consequências de sua concepção de mundo não teológica e não-metafisica, propondo uma interpretação pura e plenamente humana para a sociedade e sugerindo soluções para os problemas sociais; no volume final da obra apresentou as instituições principais de sua Religião da Humanidade.
Em1856, publicou o primeiro volume de Síntese Subjetiva, projetada para abarcar quatro volumes, cada um a tratar de questões específicas das sociedades humanas: lógica, indústria, pedagogia, psicologia. Não pôde concluir a obra ao falecer, possivelmente de câncer, em 05 de setembro de 1857, em Paris.
Filosofia positivista de Comte
A filosofia positiva de Comte nega que a explicação dos fenômenos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Positivismo
  • Positivismo
  • Positivismo
  • Positivismo
  • positivismo
  • Positivismo
  • Positivismo
  • Positivismo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!