PARASITOLOGIA

Páginas: 5 (1047 palavras) Publicado: 17 de setembro de 2014
arasitologia é a ciência que estuda os parasitas, os seus hospedeiros e relações entre eles. Engloba os filos Protozoa (protozoários), do reino Protista e Nematoda (nematódes), annelida (anelídeos), Platyhelminthes (platelmintos) e Arthropoda (artrópodes), do reino Animal. Os protozoários são unicelulares, enquanto os nematódeos, anelídeos, platelmintos e artrópodes são organismos multicelulares.Temos também parasitismo em plantas (holoparasita e hemiparasita) como é o caso do cipó-chumbo. temos parasitismo em fungos (micose) e em bactérias e até virus. Como disciplina biológica, o campo da parasitologia não é determinado pelo organismo ou ambiente em questão, mas pelo seu modo de vida. Isto significa que forma uma síntese com outras disciplinas, e traz para si técnicas de campos combiologia celular, bioinformática, bioquímica, biologia molecular, imunologia, genética, evolução e ecologia.

A parasitologia médica também se preocupa com o estudo do vetor.

No Brasil, as principais parasitoses de interesse médico são:

Protozooses
Amebíase
Tripanosomíase
Leishmanioses
Giardíase
Tricomoníase
Malária
Toxoplasmose
Balantidiose
Helmintoses
EsquistossomoseTeniase/cisticercose
Hidatidose/equinococose
Enterobiose
Filariose
Ancilostomose/necatoriose
Ascaridíase
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ciclo de vida[editar | editar código-fonte]

Ciclo da Entamoeba histolytica
Os cistos, com 15 micrómetros, são formas resistentes expelidas com as fezes de pessoas infectadas. Após ingestão de água ou alimentos contaminados, a passagem pelo ambiente ácido do estômagoinduz a sua transformação já no intestino numa forma amébica que rapidamente divide-se em oito trofozoítos, também amébicos. Os trofozoítos aderem fortemente ao meio, multiplicando-se e causando doenças, e em alguns casos transformam-se em formas císticas, que não aderem à mucosa e são expelidas pelas fezes.

Reprodução assexuada, possui ciclo monoxeno, a alimentação ocorre por fagocitose,locomoção por emissão de pseudopodes.Como é a transmissão da amebíase

A pessoa pode contrair amebíase:

Ao colocar qualquer coisa na boca que tocou em fezes de alguém infectado pela E. histolytica.
Ao engolir algo, como água ou comida, que esteja contaminado com E. histolytica.
Ao tocar a levar à boca cistos (ovos) de E. histolytica obtidos de superfícies contaminadas.
Epidemiologia[editar |editar código-fonte]
Segundo a OMS, há 50 milhões de novas infecções por ano e 70.000 mortes. A disenteria amébica é mais prevalente nos países tropicais mas também ocorre nas zonas temperadas e mesmo frias. Na África, Ásia tropical e América latina, mais de dois terços da população terá estes parasitas intestinais, apesar da maioria das infecções ser practicamente assintomática. Ao contrário do quese pode pensar, não se restringe apenas a países tropicais, mas é freqüente também nos países de clima frio. A falta de condições higiênicas adequadas é a responsável por sua disseminação. A infecção pela Entamoeba é bastante disseminada, com uma estimativa de prevalência mundial da ordem de 10% da população apenas para as espécies Entamoeba hystolitica e Entamoeba dispar e é a terceira maiorcausa parasitária de mortes em todo o planeta. No Brasil, estima-se que a prevalência média de infecção pela Entamoeba, sintomática ou não, é de aproximadamente 23% da população. No entanto, o país exibe áreas de endemicidade onde esta taxa pode estar dobrada, e regiões onde praticamente não há casos. A Entamoeba histolytica pode permanecer no organismo sem causar nenhum sintoma. A infecçãoassintomática é mais encontrada em países, como Estados Unidos, Canadá e países da Europa. As formas graves de disenteria amebiana têm sido registradas com mais freqüência na América do Sul, na Índia, no Egito e no México.

Progressão e Sintomas[editar | editar código-fonte]
Star of life caution.svg
Advertência: A Wikipédia não é consultório médico nem farmácia.
Se necessita de ajuda, consulte um...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • parasitologia
  • Parasitologia
  • Parasitologia
  • Parasitologia
  • Parasitologia
  • Parasitologia
  • Parasitologia
  • Parasitologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!