Medicina Nuclear

Páginas: 9 (2026 palavras) Publicado: 14 de outubro de 2014
INTRODUÇÃO
O presente trabalho tem como objetivo expor alguns dados sobre a Medicina Nuclear, tais como preparo e administração de radiofármacos, alguns exames, normas de proteção, o que fazer com os rejeitos radioativos e situações de acidentes com radioisótopos.
A Medicina Atômica apareceu como especialidade a partir de 1940 com o uso do iodo 131 (I131) no diagnóstico e tratamento dasdoenças da tireóide.
Em 1952, o termo “Medicina Nuclear” susbtituiu a denominação de “Medicina Atômica”, primeiro nome da especialidade.
A partir de 1946 começou o desenvolvimento e também a fabricação de equipamentos especiais para transformar as informações fornecidas pelos traçadores em imagens.
Em 1951, Reed e Lobby inventaram o “scanner” com cristal de iodeto de sódio ou cristal de cintilação.No ano de 1963, Anger inventou a câmara de cintilação, equipamento que deu mais qualidade as imagens. Os equipamentos atuais são baseados no primeiro Anger.
Simultaneamente com a evolução dos equipamentos, desenvolveu-se a rádio-farmacia, especialidade farmacêutica que elabora substâncias utilizadas em Medicina Nuclear, cujo principal marco histórico ocorreu em 1962m quando apareceram osgeradores de Tecnécio, hoje isótopo de mais uso em MD.
A Medicina Nuclear é uma especialidade médica que utiliza técnicas indolores e seguras, para transformar imagens do corpo e tratar doenças. Revela dados anatômicos e estruturais dos órgãos e tecidos.
Os exames frequentemente podem detectar precocemente anormalidade na funação ou estrutura de um órgão. Essa detecção precoce possibilita que algumasdoenças sejam tratadas nos estágios iniciais, quando existe uma melhor chance de prognóstico bem sucedido e recuperação do paciente.






MEDICINA NUCLEAR

Os exames da Medicina Nuclear são usados para obter imagens da grande maioria dos órgãos, e complementam os dados obtidos através de outras técnicas radiológicas. São importantes na pesquisa de doenças e no acompanhamento delas, naavaliação das funções fisiológica e na constatação de um diagnóstico já definido.
Para se obter as imagens, nos exames da Medicina Nuclear são usados elementos radioativos (radioisótopos) ligados a um composto capaz de mapear o órgão ou tecido em estudo. Essa ligação forma o radiofármaco.
A escolha do radioisótopo depende de, além da associação com o órgão, propriedades radioativas, como o tempo dedesintegração, tipo de emissão e energia dos raios gama, e também da disponibilidade, custo e meia-vida. Muitos compostos são marcados com Tecnécio 99m, pois ele tem uma meia-vida curta, alta energia de raios gama, está sempre disponível, por meio de um gerador de molibdênio e a facilidade de marcar vários compostos.
A obtenção das imagens ocorre por meio de um detector de raios gamaposicionado sob o paciente, chamado de Gâma – Câmara.

PREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE RADIOFÁRMACOS

Radiofármaco é um composto radioativo, com a união de um radionuclideo e um fármaco. Radionuclídeo é um elemento químico instável que, ao buscar a estabilidade, emite radiação. O fármaco não possui funções farmacológicas, apenas é usado como traçador.
No preparo de radiofármaco , primeiro deve-se saberqual órgão será examinado e, após isso, é escolhido o radionuclídeo, isso por que cada radionuclídeo tem afinidade com algum órgão, tecido ou região anatômica. Por exemplo, nos erxames do coração é usado o 99Tc (tecnécio), pois ele tem mais afinidade com esse órgão.

RADIOSÓTOPOS USADOS EM MEDICINA NUCLEAR
NOME
MEIA-VIDA
LOCAL DO USO
Tc99m (tecnécio)
6 horas
Maioria dos exames
I131 (iodo)8,1 dias
Tireóide
I123 (iodo)
13,3 horas
Tireóide
Ga67 (gálio)
78 horas
Infecções partes moles
In111 (índio)
68 horas
Doenças inflamatórias
Tl201 (tálio)
72 horas
Cardíacos
Xe133 (xenônio)
5,4 dias
Pulmão
Kr81m (kriptonio)
13 segundos
Pulmão

Fontes radioativas.

GÂMA-CÂMARA
Gâma-câmara.

Os exames são feitos numa gama-câmara, que detecta e localiza os raios gama...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Medicina Nuclear
  • Medicina Nuclear
  • Medicina Nuclear
  • medicina nuclear
  • Medicina Nuclear
  • Medicina nuclear
  • Medicina nuclear
  • Medicina nuclear

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!