Genocidio em ruanda

Páginas: 5 (1238 palavras) Publicado: 9 de abril de 2014
Genocídio em Ruanda ou no Ruanda foi a massacre perpetrado por extremista hutus contra tutsis e hutus moderados, em Ruanda, entre 6 de abril e 4 de junho de 1994 .
Os países
Ruanda: pequeno território localizado no Planalto Central Africano, com elevadas montanhas vulcânicas e clima tropical de altitude. Faz fronteira com a República Democrática do Congo (ex- Zaire). A população é composta por90% de hutus e 9% de tutsis, com um total de 6,5 milhões em 1998.
Burundi: localizado ao sul de Ruanda, com uma área de apenas 27.834 km2 , e uma população total de 6,6 milhões de habitantes, composta por 85% de hutus e 14% de tutsis.

Os tutsis eram predominantemente pastoreiros e apresentavam maior estatura.Os hutus, de pele mais escura, e menor estrutura, tinham tradição agrícola. A partirda colonização sob o domínio alemão, e posteriormente belga, esses dois povos tiveram sua organização modificada. Os tutsis foram escolhidos para assumirem cargos da administração estatal, treinamento militar, acesso exclusivo à educação, uma vez que as escolas peiam estatura mínima, visando impedir o ingresso e hutus.Os belgas manipularam a classe alta dos tutsi para reprimir o resto da populaçãomaioriamente hutus através da cobrança de imposto e trabalho reforçado.
Com o assassinato do rei Mutara III Charles os hutus passaram a ter mais poder , que pode ter sido um dos fatores que desencadeou a revolta da etnia hútus, na matança dos tútsis. 
Em 1978 , Habyarama foi eleito presidente de Ruanda em junho de 1990 anuciou que queria transformar Ruanda numa democracia multipartidária .Nesse ano, houve muitos problemas climáticos e econômicos que geraram conflitos internos.Os tutsi que se encontravam refugiados nos países vizinhos lançaram ataques militares contra o governos hutu.
Em 1992 foi um assinado um cessar-fogo entre o governo e os tutsi em Arusha, Tanzania .
 O ponto alto dessa tensão ocorreu no dia 6 de abril de 1994, quando um atentado derrubou o avião que transportavao presidente Habyarimana. Imediatamente, a ação foi atribuída aos tutsis ligados ao FPR.graças ao financiamento francês, o país conseguiu da China mais de 580 mil machetes a preço de liquidação. Nenhum país imperialista, muito menos os EUA, se colocou contra estas movimentações e não impuseram nenhuma medida que impedisse o massacre.
A ONU (Organização das Nações Unidas), a OUA (Organização paraa Unidade Africana) e alguns governos decidiram iniciar um diálogo com Habyarimana e a Frente Patriótica para discutir o que se tornaria nos acordos de Arusha. Cada representante assinou um Tratado de Paz que na realidade não serviria para nada.
A perseguição contra os tutsis foi aumentando a cada dia. Controlada pelo clã Akazu, ligado à mulher de Habyarimana, a imprensa local criticou duramenteos acordos e criou um veículo que se tornaria símbolo do ódio. Paralelamente ao recrudescimento da violência, a missão da ONU, enviada a Ruanda para supostamente fazer valer as decisões do Tratado, foi totalmente inútil. Mais de 500.000 pessoas foram massacradas. Quase todas as mulheres foram estupradas. Muitos dos 5.000 meninos nascidos dessas violações foram assassinados.
As atrocidadesenvolveram também os religiosos. Muitos clérigos de várias denominações se posicionaram a favor de sua etnia. Padres, freiras, pastores e bispos tomaram o seu partido em ambos os lados. Pelo menos 300 clérigos e freiras foram mortos por serem tutsis ou porque estavam ajudando os tutsis. Outros, da etnia hutu, apoiaram ou até mesmo colaboraram com os matadores. No final de agosto de 1994 estimava-se quecerca de dois milhões de pessoas refugiaram-se nos países vizinhos. Tanzânia, Burundi, Uganda e Zaire receberam novamente ruandeses refugiados No final de agosto de 1994 a Alta Comissária Sadako Ogata escreveu ao Secretário Geral da ONU, Boutros-Ghali, solicitando medidas de emergência nos campos, uma vez que as autoridades do Zaire não conseguiam agir. Estas medidas deveriam agir em quatro...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Genocídio na Ruanda
  • Genocídio Ruanda
  • O genocídio em Ruanda
  • Genocídio em ruanda
  • O Genocidio de Ruanda
  • genocídio de Ruanda
  • Genocídio em Ruanda
  • Genocídio

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!