Enzimas na industria de papel e celulose

Páginas: 6 (1277 palavras) Publicado: 2 de julho de 2015
Aplicação de enzimas na indústria de
papel e celulose

Aline Grigolli
Felipe Lucas da Silva

Introdução
“Há bastante tempo a biotecnologia tem sido usada como sucesso na produção de
polpa e papel, principalmente na preparação da matéria prima, polpação,
branqueamento, gestão da utilização de água e do tratamento e valorização de
resíduos. Dentre os métodos biotecnológicos na industria de polpa epapel, existe
particular interesse na aplicação de enzimas específicas que atuam nos vários
componentes da madeira sob as condições de processo” (Elba P. S. Bon, 2008).

Enzimas que modificam:
*Lignina
*Hemiceluloses
*Celuloses nativas e modificadas

 O papiro, planta proveniente de pântanos egípcios, foi o primeiro
material utilizado como papel pela humanidade;
 O papel, como é utilizadoatualmente, foi inventado na China, em
meados do século II, e sua fabricação utilizava fibras de árvores e trapos de
tecidos cozidos e esmagados;
 A massa produzida era espalhada sobre uma peneira contornada por
bambu e um pano esticado e submetida ao sol para um processo natural de
secagem.
 Ao longo do tempo a produção de papel foi sendo aprimorada e sua
composição química permitiu que afabricação ganhasse escala industrial.
 No Brasil, sua produção teve início em 1809, no Rio de Janeiro,
chegando a São Paulo juntamente com os imigrantes europeus que
trouxeram conhecimento sobre o processo de produção de papel.

O processo de produção de papel
 Matéria prima do papel:
-Fibras de materiais fibrosos e não fibrosos;
-Madeira: principal fonte de constituintes fibrosos, separada em doisgrupos: as angiospermas e as gimnospermas;
-Fibras de vegetais não lenhosos, fibras obtidas por reciclagem, fibras
sintéticas e minerais;
-Espécie de madeira mais utilizada no Brasil: gênero Eucalyptus.
-Em menor escala: polpas de celulose a partir de pinheiros.

 Processo de polpação:
-Extração da polpa da madeira;
-Separação de fibras vegetais;
-Processos químicos: larga aplicabilidade paradiferentes madeiras, alta
resistência das polpas obtidas, sistemas de recuperação de compostos
químicos;
PROCESSO KRAFT (AO SULFATO):
-Excelente polpa a partir de variedade grande de espécies de madeira;
-Cozimento das fibras: temperaturas, solução aquosa de hidróxido de sódio
e sulfato de sódio (licor de polpação).
-Liberação de fibras de celulose através da deslignificação de cavacos de
madeira.
1ªetapa: cozimento.
2ª etapa: branqueamento.

Uso de enzimas no processo
 São aplicadas para:

Preparação da massa:
• Desagregação;
• Depuração;
• Refinação;
• Colagem.

Agente de Limpeza
para:
• Tubulações;
• Máquinas;
• Equipamentos.

Reagentes utilizados no branqueamento da polpa de celulose
 Objetivos do branqueamento: aumento da alvura e propriedades ópticas.
 Agentes de branqueamento maisreativos: cloro, ozônio e o peroxiácido,
agem com as estruturas aromáticas da lignina.
 O dióxido de cloro e o oxigênio reagem com a função fenol da lignina.
 O hipoclorito de sódio e o peróxido de hidrogênio reagem com certos
grupos funcionais incluindo as ligações duplas.

Branqueamento convencional (C/D) EDED
 Estágio de pré-branqueamento de polpa kraft:
-Proporções varáveis de gás cloro edióxido de cloro;
-Remove a maior parte dos resíduos de lignina da polpa e está associado ao
grosso da descarga de organoclorados para o meio ambiente;
-Não aumenta significativamente o brilho da polpa
 Estágio de branqueamento da polpa kraft:
-Dióxido de cloro e álcali aumentam a alvura nesse estágio;
-Descarga ambiental mais baixa do que no pré-branqueamento .

Branqueamento livre de cloroelementar (ECF)
 Substituição do cloro elementar por dióxido de cloro no estágio de pré
branqueamento;
 Industrias modernas: utilizam o oxigênio (O) para a deslignificação que
remove de 30 a 40% da lignina residual da polpa;
 Extração alcalina: tem sido otimizada com oxigênio e peróxido;
 Dióxido de cloro: reduz em 1/5 a produção de organoclorados produzidos
pelo gás cloro.

Branqueamento...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Cenário da indústria de papel e celulose
  • Industria de papel e Celulose
  • INDÚSTRIA DE PAPEL E CELULOSE
  • Indústria de papel e celulose
  • Industria do papel e celulose
  • Industria de Papel e Celulose
  • Evolução da Indústria de Papel e Celulose
  • industria de papel e celulose

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!