Ensaio De Tracao Com Extensometro Gustavo

Páginas: 6 (1351 palavras) Publicado: 13 de abril de 2015
Universidade de Caxias do Sul
Centro de Ciências Exatas e Tecnologia
Departamento de Engenharia Mecânica
Laboratório de Materiais e Metalografia
Prof. Gilmar Tonietto












Ensaio de Tração com Extensômetro




















Gustavo Scariot Zago
Caxias do Sul, 02 de outubro de 2013
ÍNDICE
1. INTRODUÇÃO 3
2. REVISÃO BIBLIOGRÁFICA 4
3. NORMAS ADOTADAS 5
4. DESCRIÇÃO DE METODOS 5
5. DADOSDO MATERIAL 5
1. Bibliografia 5
2. Utilizado 5
3. Composição 6
6. DADOS OBTIDOS 6
7. TABELAS 7
8. GRÁFICOS 10
9. FÓRMULAS E CÁLCULOS DA TABELA 13
10. CONCLUSÃO 15
11. BiBLIOGRAFIA 16


1. INTRODUÇÃO
A resistência à tração é uma propriedade mecânica significativa dos materiais para a determinação dos engenheiros de qual material deve ser utilizado para uma aplicação específica. Ela determina comoele se comporta quando é aplicada uma força axial de tração sobre sua superfície.
Esta característica depende da composição da liga sendo analisada, com as condições de sua fabricação e os tratamentos aplicados. Os valores obtidos em um ensaio de tração são importantes para conhecer as condições de resistência do material, sem que ele sofra deformação permanente, e superada a fase elástica, saberaté que cara o material suporta em condições excepcionais.
No ensaio realizado foram analisados os dados obtidos juntamente com os dados normatizados, com o intuito de verificar como o material se comporta em uma situação prática.
2. REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
O ensaio de tração consiste em submeter o corpo de prova a uma tração crescente na direção de seu comprimento até que ele se rompa. A tensão éaplicada de forma que o material seja alongado a uma taxa constante (10 mm/min). Seu objetivo principal é medir a variação em seu comprimento em relação ao se comprimento inicial (lf-l0/l0). Dessa forma obtemos a deformação do material
Tal análise nos permite identificar as deformações elástica e plástica do material. Onde a elástica é identifica no gráfico no qual a tensão e a deformação sãoproporcionais (para um segmento linear). Quanto maior a taxa de variação nesse segmento maior o módulo de elasticidade e assim, a rigidez. Essa deformação não é permanente, o que significa que cessada a aplicação da força o material retornará ao seu formato original, desconsiderando assim o efeito de fadiga do material.
Terminada a fase da deformação elástica inicia-se a deformação plástica, na qual adeformação no material é permanente. Primeiramente ocorre o escoamento, no qual observamos a deformação plástica com pouca variação na tensão. Após esse ponto ocorre um gradativo aumento na tensão necessária para deformar, até um ponto máximo. Por conseguinte a tensão necessária para deformar o material passa a diminuir nesse instante. É importante considerar que essa diminuição ocorre devido àdiminuição da área no pescoço que é formado, e não à resistência do material, que continua aumentando.








3. NORMAS ADOTADAS
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS - ABNT. Materiais metálicos: Ensaio de tração à temperatura ambiente, ABNT NBR ISO 6892-1:2013 70 p.
4. DESCRIÇÃO DE METODOS
Com o auxílio de um paquímetro realizamos cinco medições do diâmetro do corpo de prova para que assimobtivéssemos o valor mais próximo do real. Dentro dessas cinco medições distribuídas igualmente pelo corpo. Após tal medição, o corpo foi girado 90º, então as mesmas medidas foram realizadas novamente. Foi utilizada a menor medida encontrada, que no caso é de 9,90 mm. Esse diâmetro é arredondado para um valor inteiro e multiplicado por cinco para obter o comprimento inicial útil, 50 mm.
Mediçõesfeitas, o corpo de prova é posicionado na máquina responsável pelo ensaio, nesse processo o extensômetro é fixado na peça e zerado. Iniciado o ensaio, são feitas leituras do alongamento no extensômetro à medida que a força aumenta.
5. DADOS DO MATERIAL
1. Bibliografia
Material: ABNT/SAE 8640
Dureza: 21 HRc
Tensão de escoamento: 441,45 MPa
Estricção: 20%
Módulo de elasticidade: 205 GPa
2....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Ensaio de Tração com Extensômetro
  • Etrabalho de ensaio de tração com extensômetro
  • Ensaio de Tração com extensometro
  • Ensaio de tração com extensômetro
  • Ensaio de tração extensometro
  • Ensaio de Tração com Extensômetro
  • Ensaio de tração com extensometro
  • Ensaio de tração com extensômetro

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!