enfermagem

Páginas: 2 (266 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014
C.M., 33 anos
1o grau completo
Profissão: doméstica
Estado civil: casada

07/12/2006 – Gestação 9 semanas – com sorologia HIV +. 1a amostra colhida em CTA –Cambé. Realizado coleta de 2 amostras de sangue para teste e complementação diagnóstica. Feito orientações. Esposo encaminhado para sorologia.

12/01/2007 –Profilático para RN (14 sem.)

12/03/2007 – Pré-natal sendo realizado na UBS Cambé.
Agendado coleta de CD4 e carga viral, realizado orientações sobre o uso depreservativos e a não amamentação. Resultado negativo de exames laboratoriais (Toxo, CMU, HgHbs)

06/06/2007
TARV: ATC 1:1 e NFU 5:5 foi suspenso em 11/06/2007, com 35 sem.(interação com AZT que é injetável durante o trabalho de parto)

06/07/2007 – Parto
Suspenso medicação
Profilaxia para RN
Vacinação: anti-gripal, pneumo, Hep.B

19/08/2008 – Orientação enfermagem: atividade física, alimentaçãoo e uso de preservativos.

- Vacina da gripe anualmente

13/03/2014 – Diagnóstico: AIDSGestação 6 sem. – Pré-natal UBS SIC – Cambé


PROFILAXIA DA TRANSMISSÃO VERTICAL DO HIV

O risco para a transmissão vertical é dependente da cargaviral materna, uso de drogas/tabagismo, sífilis/DST.
Sem a profilaxia, o risco de transmissão é: 35% gestação, 65% parto, 7-22% amamentação


Manejo do parto:
AZTIV – 100ml SG 5%
Ataque: 2mg/kg/hora (1a hora)
Manutenção: 1mg/kg/hora (até clampear cordão)
AZT 3h antes do parto
RN: AZT oral até 8a hora após o parto, 2mg/kg acada 6h durante 6 semanas
Caso AZT oral não estiver disponível, 300mg de AZT VO no início do trabalho de parto e 300mg a cada 3h até clampeamento de cordão.
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Enfermagem
  • Enfermagem
  • Enfermagem
  • Enfermagem
  • Enfermagem
  • Enfermagem
  • Enfermagem
  • Enfermagem

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!