Chris Rock: Never Scared

Páginas: 6 (1291 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
Chris Rock: Never Scared (Joel Gallen; 2004)
O passei de Rock pela cultura contemporânea e a universalidade de sua comédia.
Chris Rock é notório por sua comédia sobre relacionamentos amorosos. Mais do que estabelecer diferenciações chistosas entre negros e brancos, o comediante se escora principalmente nas diferenças entre homens e mulheres no âmbito amoroso. No especial da HBO Chris Rock:Never Scared, lançado no ano de 2004, o tema não se faz ausente; na verdade, tem todo um bloco para si, o cume da apresentação, bem ao final. Mas o que torna este especial tão distinto dos outros três anteriores de Rock não são, exatamente, seus comentários sobre homens e mulheres, brancos e negros, mas sobre a cultura em geral. É aqui que Chris Rock cristaliza sua condição de referência, de uma voznegra e sensata a verbalizar visões a respeito da cultura contemporânea, às vezes, muito pertinentemente, agregando a isso fundamentos sociais que trazem questões étnicas e políticas à mesa.
Se procurarmos por inovação de estilo na comédia de Chris Rock, não encontraremos com tanta nitidez, ou quiçá de jeito nenhum. Ele é um comediante vulgar, no bom sentido, vociferando palavrões como formanatural de se expressar, não como recurso cômico; mantendo um tom frequentemente superlativo de fala, gritando ao microfone e pronunciando, às vezes, aos brados cada sílaba de uma palavra para enfatizar uma afirmação ou indignação - isso quando não repete frases e palavras diversas vezes. Assim, até parece que Rock é um comediante escandaloso, irritante, mas o mesmo é dotado de um carisma queabranda e, na maior parte das vezes, de razões difíceis de refratar. Ele é quem ele é, sem inventividades de estilo, porquanto representa a comunidade negra do qual sempre fez parte, não só na cor da pele, mas nas tradicionalidades sociais e culturais que tanto combustam o conteúdo de sua comédia. E divorciar-se disso, em estilo e conteúdo, seria simplesmente uma negação à autenticidade pessoal:ingrediente tão essencial a um comediante stand-up.
Rock efetua um verdadeiro passeio pela cultura contemporânea e sobre ela divulga opiniões nada idiossincráticas, já que se diferenciar da plateia nunca foi o escopo do comediante; Chris faz observações ponderadas e sensatas, mas não menos reveladoras e engraçadas. Emplaca uma rotina hilária sobre strippers e clubes de strip - em que evoca o suposto emuito provável amigo viciado em clubes de strip que todos temos - e nesta chave já observa dois muito interessantes traços culturais que circundam o assunto: primeiro, o comentário modístico sobre a suposta convenção de que stripers agora só usam saltos transparentes; segundo, o mito de que todas as mulheres que se tornam strippers o fazem com a finalidade de bancar a faculdade. “Se há tantasstrippers na universidade, porque é que eu nunca recebi uma lap dance inteligente?” - um arremate, este sim, inteligentíssimo!
A música não é poupada, como parte fundamental da cultura, e nada mais pertinente para Rock do que falar sobre rap music, comparando a de atualmente com aquela do passado, e revelando que, apesar de ainda gostar dos raps de hoje em dia, está cansado de defendê-los, já que asletras não mais o ajudam. Rock reproduz os trechos mais vulgares e polêmicos da rap music para demonstrar seu ponto (o patamar de “vulgaridade” e “indecência” das letras que cita e imagina rivaliza com os funks cariocas que aqui temos), além de também comentar o tratamento da mulher nas músicas em questão, observando que, apesar do teor misógino das letras, as próprias mulheres que aderem à músicasomente se importam com o ritmo. “Desde que a batida seja boa ela dança a noite inteira.” - e não é que é verdade? Numa contemporaneidade cultural onde aquilo que é primal, estimulante e sensorial se sobressai cada vez mais no lugar da digestão reflexiva e intelectual dos produtos artísticos, Chris Rock foi muito feliz em sua observação.
Sucede que, ao falar da rap music, Rock abarca em seu...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • never
  • Chris
  • chris
  • Chris
  • chris.
  • Rock
  • Justin Bieber
  • rock

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!