Brincando Que Se Aprende

Páginas: 5 (1232 palavras) Publicado: 3 de abril de 2015
Por que tem de ser uma “Má-temática”? Prof. Ilydio Pereira de Sá

1

É brincando que se aprende...
Rubem Alves
No meu tempo parte da alegria de brincar estava na alegria de construir o brinquedo.
Fiz caminhõezinhos, carros de rolemã, caleidoscópios, periscópios, aviões, canhões de
bambu, corrupios, arcos e flechas, cataventos, instrumentos musicais, um telégrafo,
telefones, um projetor de cinemacom caixa de sapato e lente feita com lâmpada cheia
d’água, pernas de pau, balanços, gangorras, matracas de caixas de fósforo, papagaios,
artefatos detonadores de cabeças de pau de fósforo, estilingues.
Fazendo estilingues desenvolvi as virtudes necessárias à pesquisa: só se conseguia
uma forquilha perfeita de jaboticabeira depois de longa pesquisa. Pesquisava
forquilhas - as mesmas que inspiraramSalvador Dali - exercendo minhas funções de
´controle de qualidade´ - arte que alguns anunciam como nova mas que existiu desde
a criação do mundo: Deus ia fazendo, testando e dizendo, alegre, que tinha ficado
muito bom. Eu ia comparando a infinidade de ganchos que se encontravam nas
jaboticabeiras com o gancho ideal, perfeito, simétrico, que existia em minha cabeça.
Pois ´controle de qualidade´ éisso: comparar o ´produto´ real com o modelo ideal. As
crianças já nascem sabendo o essencial. Na escola, esquecem.
Os grandes, morrendo de inveja mas sem coragem para brincar, brincavam fazendo
brinquedos. As mães faziam bonecas de pano, arte maravilhosa hoje só cultivada por
poucas artistas. As mães modernas são de outro tipo, sempre muito ocupadas,
correndo prá lá e prá cá, motoristas, levandoas crianças para aula de balê, aula de
judô, aula de inglês, aula de equitação, aula de computação - não lhes sobra tempo
para fazer brinquedos para os filhos. (Será que as crianças de hoje sabem que os
brinquedos podem ser fabricados por eles?). Hoje, quando a menina quer boneca, a
mãe não faz a boneca: compra uma boneca pronta que faz xixi, engatinha, chora, fala
quando a gente aperta um botão,e é logo esquecida no armário dos brinquedos.
Pobres brinquedos prontos! Vindo já prontos, eles nos roubam a alegria de fazê-los.
Brinquedo que se faz é arte, tem a cara da gente. Brinquedo pronto não tem a cara de
ninguém. São todos iguais. Só servem para o tráfico de inveja que move pais e filhos,
como esse tal ´bichinho virtual...
Fiquei com vontade de fazer um sinuquinha. Naquele tempo nãohavia para se
comprar. Mesmo que houvesse não adiantava: a gente era pobre. Como tudo o que
vale a pena nesse mundo, a fabricação começava com um ato intelectual:
pensamento: quem deseja pensa. O pensamento nasce no desejo. Era preciso, antes
de construir o sinuquinha de verdade, construir o sinuquinha de mentira, na cabeça.
Essa é a função da imaginação. Antes de Piaget eu já sabia os essenciaisdo
construtivismo: meu conhecimento começava com uma construção mental do objeto.
Diga-se, de passagem, que o homem vem praticando o construtivismo desde o período
da pedra lascada. Piaget não descobriu nada: ele só descreveu aquilo que os homens
(e mesmo alguns animais) sempre souberam.
Era preciso uma táboa larga e plana, flanela, madeiras e borracha de pneu de bicicleta
para as tabelas; ascaçapas seriam feitas de meias velhas. As bolas, de gude. Os
tacos, cabos de vassoura. Preparei-me para fabricar o objeto dos meus sonhos. Meu
pai, que era viajante, estava em casa naquele fim de semana. Ofereceu-se para me
ajudar, contra a minha vontade. Valendo-se de sua autoridade, tomou a iniciativa.
Pegou do serrote e pôs-se a serrar os cantos da tábua, no lugar das caçapas. Meu pai
operou com umalógica simples: se um buraquinho pequeno, que mal dá para passar
uma bolinha, dá um ´x´ de prazer a uma criança, um buraco dez vezes maior dará à
criança dez vezes mais prazer. E assim pôs-se a serrar buracos enormes nos ângulos
da tábua. Eu protestava, desesperado: ´ - Pai, não faz isso não!´ Inutilmente.

Por que tem de ser uma “Má-temática”? Prof. Ilydio Pereira de Sá

2

Confiante no seu...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • É BRINCANDO QUE SE APRENDE
  • Brincando se aprende
  • Pojeto brincando que aprende
  • Brincando tambem se aprende
  • A Crian A Aprende Brincando Monica
  • projeto brincando é q se aprende
  • JOGANDO E BRINCANDO TAMBÉM SE APRENDE
  • Brincando também se aprende matemática

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!