O uso do curavial e sua margem de contribuição na agrovale s/a

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2292 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1

AGROVALE S/A

O USO DO CURAVIAL E SUA MARGEM DE
CONTRIBUIÇÃO NA AGROVALE S/A

CETOC 2006
SAFRA 2006/2007

Dados Gerais da Usina Agrovale S/A Safra 2006/2007

AGROVALE S/A

Localização: Juazeiro – BA
Coordenadas Geográficas - 9°25' S e 39°39'W
Altitude - 370 m
Evaporação anual - 2000 mm
Precipitação anual - 450 mm (novembro-abril)
Velocidade média do vento anual - 2,53 m/sUmidade relativa de ar média anual - 59,9% (52 a 66%)
Insolação media anual - 7,9 h/dia (7,2 a 8,9 h/dia)
Temperatura média anual - 26,05ºc (23,8 a 27,8ºC)
Moagem: 1.339.855,520 Ton
Área colhida: 14.693,08 ha
% de Cana Crua: 5,8 %
% de Cana Queimada: 94,2 %
Solo: V, Ce, Pae
Irrig: 1300 mm lâmina liquida/ha/ano
Prod. Agrícola: 91,19 ton/ha

REGIÃO NORDESTE

VISTA AÉREA DA CONSTRUÇÃODA FÁBRICA EM MEADOS DE 1975

MUNICíPIO DE JUAZEIRO - Ba

ATUALIDADE

HISTORICO DE PRODUTIVIDADE
AGRÍCOLA
TODAS AS SAFRAS
130,0
120,0

TCH

110,0
100,0

99,1
91
,2

90,2 88,6

90,0

89,1

80,0

88,6

85,2

82,4

1 ,6
01

98,8

95,4

93,5

92,4

89,7

91
,1 92,5

94,2

95,4

95,0
89,3

88,7

91
,2

91
,2

2004

2006

83,4
71,5

69,3

70,0
60,0
19 8 0

19 8 2

19 8 4

19 8 6

19 8 8

19 9 0

19 9 2

19 9 4

19 9 6

19 9 8

2000

2002

MÉDIAS DAS 27 SAFRAS

TCH POR PERÍODO
93,57

94

TCH

93

92,29

92
91
90
27 s afra

10 s afra
M ÉD IA S D OS T R ÊS P ER Í OD OS

5 s afra

COMPARATIVO MENSAL DO POL % DA AGROVALE
S/A EM RELAÇÃO A OUTRAS REGIÕES DO PAÍS
AGROVALE S/APROGRAMA DE ACOMPANHAMENTO MENSAL DE PERFORMANCE AGRÍCOLA (PAMPA) - SAFRA 06/07
Tabela 1 : Evolução mensal de pol %
cana - própria
Região

Mai

Jun

Jul

Ago

Set

Out

13,16

14,15

14,98

15,79

15,96

14,84

14,50

13,19

14,21

15,08

15,88

16,05

14,97

14,53

12,62

12,92

13,45

13,70

14,09

13,88

13,49

12,62

12,92

13,4513,70

14,09

13,88

13,49

Máximo

São Paulo

Abr

12,02

Centro Sul

Unidades

Nov

Dez

Média

12,62

12,92

13,45

13,70

14,09

13,88

13,49

Mínimo

12,62

12,92

13,45

13,70

14,09

13,88

13,49

132

81
11,93

Bahia

1

Agrovale

Região de :
Bahia

HISTÓRICO DE USO DE
CURAVIAL NA AGROVALE S/A
AGROVALE S/AINIBIDOR DE
FLORESCIMENTO

QUANTIDADE ( Kg )

Área ( há )

SAFRA

MATURADOR

2000

x

2,5

125

2002

x

10

500

5

250

26

1300

2005

2006

x

X

Objetivo: porque aplicar?
CURVA PC % em 04/05/06

AGROVALE S/A

14,3
14,1
13,9
13,7

PC %

Melhorar o PCC no início e final moagem .
Aumentar a maturação, procurando minimizar as
perdas deprodutividade agricola com o uso de
glifosate em períodos de maior potencial de ganho de
massa verde.

2004

13,5

2005

13,3

2006

13,1
12,9
12,7
12,5
MAIO

JULHO

SETEMBRO

NOVEMBRO

MESES

Evolução mensal da pol % cana - própria
Usina x Região

15,0
MAIO

JUNHO

JULHO

AGOSTO SETEMBRO OUTUBRO

NOVEMBRO

MÉDIO

2004

13,01

13,22

13,57

13,69

13,762005

12,79

13,22

13,36

13,76

14,02

13,46

13,31

13,44

13,73

13,48

2006

12,59

12,93

13,46

13,68

14,09

13,88

13,51

14,0
13,0
12,0
11,0
10,0
Abr

Bahia

Mai

Jun

Jul

Agrovale

Ago

Set

Out

Máximo

Nov

Dez

Média

Mínimo

13,50

INSTALAÇÃO DO
EXPERIMENTO
AGROVALE S/A









Datade aplicação: 03/09/2006
Data de colheita : 24/09/2006
Variedade: SP 791011
Estágio: 6° corte
Idade: 11,7 meses
Área total: 84.09 ha
TCH: 86,95 ton
Campo Perú



Tratamentos

T1 – TESTEMUNHA – 3,50 ha
T2 - 20 g CURAVIAL + 50 ml de ANTIDERIVA - 80,59 ha

Área tratada

REGISTROS FOTOGRÁFICOS
SOBRE O PORTE DA PLANTA NA
ÉPOCA DA APLICAÇÃO
AGROVALE S/A
PORTE ERETO : APTA PARA...
tracking img