O principe - resumo cap viii

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (345 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1. CABEÇALHO
O Príncipe / Estratégias Políticas / Português

2. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA
MACHIAVELLI, Nicolò di Bernardo dei. O Príncipe. . ed. Porto Alegre: L&PM POCKET, 2012, cap. VIII, p.41-46.

3. CORPO DO TEXTO


• RESUMO DO CAPÍTULO VIII
O capítulo citado apresenta que Maquiavel deseja mostrar e exemplificar cidadãos comuns que se tornam Príncipes, não através somente defortuna ou virtude, e sim através de ações criminosas e atrozes, mostrando, inclusive, que mesmo em uma conduta reprovável se pode buscar um comportamento adequado.
No primeiro exemplo a obranos apresenta Agátocles, que desde a infância tinha uma vida celerada, ou seja, com práticas criminosas ou tendências para fazê-las, contudo, sua determinação e virtudes proporcionaram-lhe uma ascensãona milícia, chegando ao posto de Comandante em Chefe da cidade; em seguida desejou se tornar Príncipe da Siracusa, então, utilizando-se de um artifício, reuniu os Senadores e todos os cidadãos maisricos de Siracusa e chacinou cruelmente a todos, tornando-se Príncipe. Porém, após seus atos cruéis passou a governar com braço de ferro, mas na defesa de seus cidadãos.
No segundo exemplotemos Oliveroto, também miliciano, após anos fora de sua terra natal, retorna a Fermo, oferece um banquete a todos os homens importantes daquele Estado, e em seguida ataca mortalmente a todos ospresentes, e toma o palácio tornando-se Príncipe. Durante sua gestão, reiteradas vezes eliminava aqueles que lhe faziam oposição, eliminando também aqueles que poderiam vir a lhe opor, renovando os atos deviolência.
Conclui o autor que um Príncipe elevado a essa condição com ações criminosas, deve praticá-las todas de uma só vez, e assim poderá inspirar confiança em seus súditos. Em contrapartida,ao reiterar atos de violência, jamais passará confiança para os seus, e de igual forma, não terá tranquilidade em sua gestão.

• CITAÇÕES DA OBRA

P. 45
“pode-se chamar aquelas das...
tracking img