O paraiso destruido

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (477 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
-------------------------

-------------------------------------------------
Resumo: Paraíso destruido, o. – bartolomé de las casas, frei.

Bartolomé de las Casas (Sevilha, 1474 — Madrid, 1566)foi um frade, escritor, teólogo e grande defensor dos índios. Autor de inúmeros livros sobre o massacre Espanhol em terras Latino-Americanas, Frei Bartolomé fora e é considerado um radical inabalável,destemido no que diz respeito à tentativa de estabelecer igualdade social perante o povo indígena que nesta América habitava. Um de seus livros mais reconhecidos é “O paraíso destruído”. Em seuprefácio, o tradutor Eduardo Bueno remete-nos à breve Biografia do Padre, confirmando a veracidade de sua importância na luta pelos direitos humanos e indígenas. Las Casas é retratado como um missionárioidealista, cujo desânimo não era palavra compreendida em sua realidade e, cuja satirização de sua batalha por outrem não haveria de por fim à sua vontade deliberada de fazer com que o povo Espanholsoubesse da verdade sobre a conquista do “Paraíso terrestre”. A luta começara em 1511, ao presenciar um sermão do Padre Dominicano Antônio de Montesinos sobre o Massacre em terras Caribenhas. Durante ospróximos três anos, deu-se uma fase de conversão, onde Bartolomé largaria então suas posses e “encomiendas” de índios. A partir de então, foram inúmeras as benfeitorias de Las Casas em prol dos entãodenominados “povos inferiores. Uma das grandes decepções fora quando apresentara a dois Cardeais, Governadores na ausência do Rei, dois memoriais em favor dos índios e denunciando os Colonos. Apósanalises e investigações, conclui-se que os mesmos não possuíam condições de viverem livres e assim grande parte fora confinada em vilas ou reduções. Todavia, pouco meses mais tarde, grande maioriasucumbira, vitimada por rubéola. Por um outro lado, conseguiu duas vitórias: As Novas Leis de 1542, que praticamente encerraram as “encomiendas”¹; e as doutrinas jurídicas expostas pelo reformador da...
tracking img