O paradigma da epistemilogia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (573 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O paradigma da epistemologia
histórica: a contribuição de
Thomas Kuhn

The paradigm of historical
epistemology: Thomas Kuhn’s
contribution

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

  

JACOBINA, Ronaldo R.: ‘O 
paradigma
histórica: a contribuição de 
Thomas Kuhn’. História, Ciências,
Saúde — Manguinhos,
630,

Este artigo apresenta uma 
breveepistemologia, do modelo 
normativo
contemporâneas, aqui designadas 
de ‘histórico-interpretativas’. 
Estas últimas fazem vigorosa 
crítica ao paradigma tradicional, demonstrando não só os limites 
da ‘falsificação lógica’ e 
da ‘verificação empírica’, mas 
também a rigidez prescritiva 
da
incompatível
científicos deste século. Analisa-
se a contribuição kuhniana, dando-
seoriginais e às redefinições de 
conceitos e modelos anteriores. 
À guisa de ilustração, alguns 
são
descoberta da estrutura do DNA. A 
apresentação
inclui
tanto os normativos quanto os 
pós-kuhnianos,relação às ciências sociais e ao 
uso
conhecimento.

PALAVRAS-CHAVE: 
epistemologia histórico-
interpretativa,
paradigma, ciência normal, 
revolução científica.

 

 

JACOBINA, R. R.: ‘The paradigm of

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ronaldo Ribeiro Jacobina

Prof. Adjunto da Faculdade de Medicina da 
Universidade Federal da Bahia 
Rua40110-180 Salvador — Bahia Brasil 
rrj@magiclink.com.br

Thomas
História, Ciências, Saúde –
Manguinhos,
1999-Feb. 2000.

This brief historical analysis of
the field of epistemology beginswith its initial, speculative phase,
moving on to the traditional
normative model and continuing
through contemporary lines, which
are referred to here as ‘historical-
interpretative’. Common tothe
latter is harsh criticism of the
traditional paradigm, whose
shortcomings include not only the
limitations of ‘logical falsification’
and ‘empirical verification’ but
also...
tracking img