O muro de berlim

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1748 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

Vou começar este trabalho com o porquê da divisão da Alemanha com o Muro de Berlim (símbolo da Guerra Fria).
Para resolver esta questão temos de voltar ao ano de 1945 o fim da II Guerra Mundial e o começo da Guerra fria que nos vão dar a resposta para o porquê da divisão de um país e o seu povo.
Além destes dois temas iniciais vou abordar o fim do Bloco Soviético a queda do Murode Berlim e as suas consequências na reunificação da Alemanha.
O Muro de Berlim é um marco na história contemporânea que para além de ser símbolo da divisão da Alemanha em dois estados pós II Guerra, representava a divisão do mundo em dois blocos.
O meu trabalho de boa leitura não dá especial atenção a um tema só mas sim, todos os temas em redor do Muro de Berlim como começou e como acabou.

IIGUERRA MUNDIAL

Com o fim da II Guerra Mundial a vitória das três grandes potencias: Estados Unidos, URSS, e Reino Unido sobre a Alemanha os acordos de Lalta estabeleceram a divisão do pais em quatro zonas de ocupação (Norte Americana, Francesa, Inglesa e Soviética) e da capital Berlim em quatro sectores administrados juntamente pelos comandantes militares das quatro potencias ocupantes. Asoberania Alemã foi assim transferida para os aliados.
Após a capitulação da Alemanha realizou se a conferencia de Potsdam (Berlim), em Julho - Agosto 1945 numa altura em que já havia ocorrido a rendição Alemã. Aqui foram ratificadas as decisões de Lalta e tomadas outras medidas relativas á Alemanha vencida: desnazificação, desmilitarização e desarmamento, julgamento dos criminosos de guerra por umtribunal das quatro potências, pagamento de indemnizações. Foi ainda o estatuto político da Alemanha durante o período de controlo militar aliado: demarcação das zonas de ocupação pelas forças armadas Americanas, Soviéticas Britânicas e Francesas e definição de um estatuto especial para a cidade de Berlim.
Com o fim da II Guerra Mundial a divisão da Alemanha e a divisão do mundo em dois blocos: ospaíses capitalistas e os países Socialistas entram numa fase de guerra-fria.

GUERRA FRIA

A II Guerra Mundial não faz apenas emergir duas potências face a uma Europa arruinada e remetida a um papel secundário ao novo sistema internacional, faz nascer duas zonas ou áreas de influência: Anglo-saxónicas e Soviéticas. A primeira compreende as democracias liberais do oeste (Europa Ocidental,Grécia, Turquia, Médio Oriente, Pacifico e Japão); a segunda integra as democracias populares do leste (Europa Central e Oriental). As primeiras têm os EUA como parceiro, as segundas estão associadas á URSS.
Este clima de tensão entre os aliados e vencedores da Guerra é já bem perceptível nas negociações dos diversos tratados de paz.
A ruptura declara se abertamente quando o presidente Trumanapresentou no congresso dos EUA a chamada “ Doutrina Truman”.
Na sua comunicação, Truman assume claramente o fim do tradicional isolacionismo estado – unidense proclama que a prioridade da política externa norte-americana é conter o comunismo soviético dentro dos limites acordados nos tratados da pós-guerra. A estratégia de Truman concretizou-se no plano Marshall e na organização de um sistema dealianças militares liderado pelos EUA.
O plano de reconstrução Europeia mais conhecido por Plano Marshall constituiu basicamente uma forma de concretização do objectivo de contenção do comunismo.
URSS vê esta manobra dos Estados Unidos para imporem a sua hegemonia e rejeita. A reacção do leste expressa se no relatório de Jdanov, conhecido por doutrina Jdanov.
A assunção da ruptura politica e ideologiapelos dois dos campos constitui o ponto de partida de que veio dominar-se guerra fria. Em Março de 1946 Winston Churchill denunciou a situação ao afirmar num celebre discurso que uma cortina de ferro se abatia sobre a Europa, dividindo em duas: Europa Ocidental, que se reerguia sob a assistência Americana, opunha-se uma outra Europa a de Leste, submetida á orientação Soviética Estalinista....
tracking img